Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Warriors vencem jogo dramático e seguem vivos nas finais da NBA

Warriors vencem jogo dramático e seguem vivos nas finais da NBA

12 Junho 2019por Stefano De Luca

De maneira dramática, o Golden State Warriors derrotou o Toronto Raptors na Scotiabank Arena e manteve-se vivo nas finais da NBA. O jogo era de vida ou morte para a equipe californiana, que perdia a série por 3 a 1 e precisava vencer para manter as chances de ficar com o título. Do outro lado, fica a frustração para os Raptors, que estiveram muito perto de vencer o campeonato, mas acabaram desperdiçando a chance de fechar o caixão dos Warriors na última posse do jogo.

Agora, Toronto lidera a série melhor de sete por 3 a 2, com o jogo 6 sendo disputado na Oracle Arena, em Oakland. Novamente, os Warriors precisam vencer para manterem-se vivo e forçarem o jogo 7, enquanto os Raptors terão mais uma vez a chance de conquistar o inédito título. Caso um jogo 7 venha a acontecer, ele será disputado em Toronto, uma vez que os Raptors tiveram melhor campanha que os Warriors durante a temporada regular da NBA.

Como se tratava de um jogo de vida ou morte, os Warriors resolveram arriscar tudo e Steve Kerr escalou a equipe com o retorno de Kevin Durant, que voltou às quadras após um mês afastado por conta de uma lesão na panturrilha. Mesmo não estando 100%, o camisa 35 teve o seu retorno abreviado para o decisivo jogo 5. Pelo primeiro quarto, parecia que a decisão de Kerr havia sido acertada. Muito bem ofensivamente, Durant contribuiu com 11 pontos no primeiro quarto, anotando três bolas de três.

Logo no comecinho do segundo quarto, porém, o astro sentiu o mesmo problema que o tirou de boa parte dos playoffs. KD colocou a mão na panturrilha e sem condição de jogo, precisou ser carregado rumo ao vestiário com a ajuda de seus companheiros de equipe. Um duro baque para os Warriors, que faziam um grande jogo até a lesão de Durant.

Menos mal para o Golden State que DeMarcus Cousins – que entrou em quadra para substituir KD – manteve o alto nível do antecessor e contribuiu com pontos importantes, ajudando a manter uma boa diferença de pontos até o intervalo. O que se viu foi um Warriors mais versátil ofensivamente do que nos jogos anteriores e Curry, Klay e cia mostraram uma pontaria em dia nas tentativas de três pontos.

Golden State manteve a supremacia no terceiro quarto e chegou a liderar a partida por 15 pontos, mas aos poucos, os Raptors foram diminuindo a vantagem dos Warriors. O que parecia que seria uma vitória tranquila dos Warriors, se tornou em uma partida dramática nos cinco minutos finais. Liderados por um inspirado Kawhi Leonard no último quarto, viraram o jogo, assumindo a liderança por 96 a 95 restando cinco minutos para o final da partida.

Nestes últimos cinco minutos, o jogo foi lá e cá. Kawhi comandava as ações ofensivas dos Raptors, enquanto os Warriors respondiam com cestas de três de Curry e Thompson. Restando dois minutos, Leonard acertou mais uma de três e abriu seis pontos de vantagem para os Raptors. Parecia que Toronto sacramentaria o título ali mesmo, mas Golden State não desistiu, Klay e Steph responderam na mesma moeda e empataram o jogo em 103 a 103, com um minuto e vinte segundos para o fim.

O último minuto mostrou a diferença de um time já campeão e de outro que ainda busca o primeiro título da história. Enquanto os Warriors foram frios e calculistas, os Raptors cometeram erros primários, especialmente na última posse de bola do jogo. O GSW passou à frente no último minuto com mais uma cesta de três de um inspirado Klay Thompson. No próximo ataque, Lowry infiltrou rumo ao garrafão e DeMarcus Cousins cometeu goaltending, com a vantagem dos Warriors caindo para apenas um ponto. Restando menos de 15 segundos para o final do jogo, Golden State tinha a bola no que poderia ser a última posse do jogo, mas Cousins acabou errando feio, cometendo um screening ilegal e uma falta ofensiva.

Foi um presente daqueles do pivô para os Raptors, que tinham 15 segundos para marcar ao menos um ponto para levar o jogo para o overtime ou até dois pontos para vencer a partida e conquistar o inédito título da NBA. Mas a última posse de bola de Toronto foi desastrosa. Os donos da casa não conseguiram abrir espaço para Leonard, que pressionado, tocou de lado para VanVleet, que serviu Lowry, que sem muito ângulo forçou uma bola de três que não chegou nem perto de entrar. Vitória suada do Golden State Warriors, que segue vivo na briga pelo tricampeonato consecutivo do melhor basquete do mundo.

Notícias relacionadas

O cestinha do jogo 5 em Toronto foi Stephen Curry. Apresentando um grande basquete durante essas finais, o camisa 30 mais uma vez liderou os Warriors, com 31 pontos, sete assistências e oito rebotes. Quem também jogou muito foi Klay Thompson. O ala anotou 26 pontos, pegou seis rebotes e ainda distribuiu quatro assistências. Mesmo jogando apenas 20 minutos, DeMarcus Cousins também mandou bem, com 14 pontos e seis rebotes, enquanto Draymond Green terminou a partida com 10 pontos, 10 rebotes e oito assistências, novamente perto do triplo-duplo. Já Kevin Durant, mesmo tendo jogado por apenas 12 minutos, marcou 11 pontos, anotando três bolas de três.

Muito bem durante o último quarto do jogo, Kawhi Leonard anotou 26 pontos, pegou 12 rebotes e deu seis assistências. Apesar de ter desperdiçado a chance de fechar a série no último lance do jogo, Kyle Lowry marcou 18 pontos, enquanto Marc Gasol terminou com 17 e Pascal Siakam com 12. Já o banco de reservas teve Fred VanVleet anotando 11 pontos e o veterano Serge Ibaka contribuindo com 15.

Apesar da vitória dos Warriors, os Raptors ainda lideram as finais, agora por 3 a 2 e seguem a uma vitória de conquistar o título inédito. O jogo 6 das finais acontece nesta quinta-feira, na Oracle Arena, em Oakland. Caso Golden State vença este confronto, teremos um jogo 7, que aconteceria no domingo, em Toronto.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.