Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Vaiado, Neymar faz gol antológico nos acréscimos e garante vitória do PSG

Vaiado, Neymar faz gol antológico nos acréscimos e garante vitória do PSG

16 Setembro 2019por Stefano De Luca

Depois de quatro meses, Neymar enfim voltou a jogar pelo Paris Saint-Germain. Passada toda a polêmica por conta de sua suposta saída e uma forçada de barra para juntar-se ao Barcelona, Neymar acabou tendo que se contentar em continuar na equipe francesa, mesmo com o clima pesado que acabou tomando os ares de Paris depois de sua permanência.

A volta de Neymar ao PSG teve de tudo. Vaiado pelos ultras da torcida parisiense a cada toque na bola, o camisa 10 mostrou a sua estrela e garantiu a vitória da equipe da casa por 1 a 0, diante do Strasbourg, com um golaço de bicicleta, marcado já nos acréscimos da etapa final. Se era vaiado antes de marcar o gol, Neymar foi aplaudido de pé no Parc des Princes, depois do golaço que garantiu a vitória do Paris Saint-Germain.

Neymar foi escalado como titular pelo técnico Thomas Tuchel, para o confronto diante do Stasbourg, em Paris. O atacante foi muito vaiado pela torcida assim que o seu nome apareceu no telão, durante a escalação dos mandantes. Depois, foi mais vaiado ainda após cada lance que participava e cada vez que tocava na bola.

Apesar das vaias e do clima hostil, Neymar foi de longe o melhor jogador do Paris Saint-Germain em campo. O craque brasileiro estava à vontade, participou das principais jogadas ofensivas dos franceses, obrigou o goleiro adversário a fazer boas defesas e ainda carimbou a trave, em cobrança de escanteio, quase marcando um gol olímpico.

Mesmo com a boa atuação de seu principal jogador, o PSG empatava sem gols em casa com o Stasbourg, até que aos 46 minutos do segundo tempo, Neymar tirou um coelho da cartola no Parc des Princes. Após cruzamento de Diallo pela esquerda, o camisa 10 emendou uma bicicleta, de perna esquerda. A bola ainda tocou na trave antes de entrar. Gol antológico de Neymar, que foi aplaudido de pé por uma incrédula torcida no Parc des Princes.

No minuto seguinte, Neymar ainda marcaria mais um, após assistência de Di Maria, mas o gol acabou invalidado pelo VAR, que apontou impedimento do argentino no início da jogada. Com o triunfo por 1 a 0, o Paris Saint-Germain manteve a liderança do Campeonato Francês, agora com 12 pontos, com quatro vitórias e uma derrota em cinco jogos disputados. No próximo domingo, o PSG visita o rival Lyon, pela sexta rodada da competição.

Vaiado e xingado pela maior parte do Parc des Princes durante os 90 minutos, Neymar ainda foi alvo da fúria dos Ultras da equipe francesa, a torcida organizada. Além do camisa 10, o seu pai também foi alvo da ira dos Ultras, que estenderam uma faixa no estádio com os seguintes dizeres: “Neymar Sr venda seu filho na Vila Mimosa”, em alusão a uma famosa zona de prostituição do Rio de Janeiro. A torcida ainda aproveitou para gritar o nome de Cavani, que nem relacionado para a partida estava, em mais uma clara provocação a Neymar.

Logo após a partida, Neymar conversou com a imprensa, ainda na zona mista do estádio Parc des Princes. Chateado com as vaias, o camisa 10 admitiu que gostaria de ter deixado o PSG durante a janela de transferências, mas tratou o assunto como uma página virada.

- Eu já joguei em muitos estádios sendo vaiado. Não é novidade para mim. É triste, mas agora eu tratarei os jogos em casa como jogos fora de casa. Quero deixar claro que não tenho nada contra o PSG, a instituição e nem os seus torcedores. Todo mundo sabe que eu queria sair do clube. Eu deixei isso muito claro. Eu não quero entrar em detalhes sobre o que aconteceu durante as negociações. As pessoas sabem o que aconteceu e isso agora é uma página virada. Eu sou jogador do PSG e vou dar tudo em campo, vou cumprir meu papel e tentar ser feliz. Não preciso que gritem o meu nome e nem que me apoiem, peço que estejam lá pelo PSG. – disse o craque brasileiro, em conversa com jornalistas.

Na sequência, Neymar ainda tratou de se alongar sobre os motivos de querer deixar o Paris Saint-Germain. Esta foi a primeira vez que o brasileiro admitiu publicamente que gostaria de ter deixado o clube francês, que desembolsou 222 milhões de euros para contratá-lo há duas temporadas.

- Teve alguns motivos, principalmente pessoais, que me fizeram querer deixar o PSG. Eu quero deixar claro que não foi nada contra o PSG e muito menos contra seus torcedores. Quando você não se sente bem no seu trabalho, procura outro. Por motivos pessoais mesmo. Eu tive os meus, e queria muito sair. Deixei isso bem claro a todos e fiz tudo o possível para poder sair, mas infelizmente não foi possível, eles não deixaram. Isso já é página virada. Esta é a primeira e única vez que eu falo sobre isso. A partir de agora a minha cabeça está totalmente voltada para o PSG. – completou o camisa 10 da equipe parisiense.

Quem também falou sobre toda a situação envolvendo Neymar e a torcida do PSG foi o treinador da equipe francesa, o alemão Thomas Tuchel, que disse entender tanto o seu principal jogador quanto a torcida do Paris Saint-Germain.

- Não foi fácil para o Neymar, porque ele é um cara muito sensível. Ele foi muito bem. Também não foi fácil para os torcedores durante a janela de transferências e por isso devemos aceitar a reação que tiveram. Não tenho como julgar isso. Sei que Neymar pode render ainda mais, ele precisa de ritmo de jogo. Eu estou muito feliz com o que ele apresentou hoje, isso ajuda muito. – disse o treinador alemão, fã confesso do futebol de Neymar.

Sem o suspenso Neymar, além dos lesionados Mbappe e Cavani, o Paris Saint-Germain terá a dura missão de receber o poderoso Real Madrid, em casa, nesta quarta-feira, pela primeira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa, grande obsessão da equipe francesa.

.

Foto de capa: AFP

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.