Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Último UFC do ano terá revanche entre Jones e Gustafsson

Último UFC do ano terá revanche entre Jones e Gustafsson

27 Dezembro 2018por Stefano De Luca

Na madrugada deste sábado, em Inglewood, Califórnia, teremos o último o UFC do ano. O card, denominado de UFC 232 terá como sua atração principal a tão esperada revanche entre Jon Jones e Alexander Gustafsson, em luta válida pelo cinturão dos meio-pesados. Além da revanche entre os dois desafetos, o UFC 232 terá também outra luta bastante esperada: a superluta entre as brasileiras Cris Cyborg e Amanda Nunes.

O Main Card do evento na Califórnia ainda vai nos agraciar com mais três grandes lutas. A luta que inaugura o Card Principal será entre o sempre perigoso Chad Mendes e Alexander Volkanovski. Logo depois, Corey Anderson entra no octógono para medir forças com Ilir Latifi. A terceira luta principal da noite será entre Carlos Condit e Michael Chiesa, dois nomes estabelecidos dentro do UFC. Vale a pena, porém, ficar atento no evento desde os seus cards preliminares. Isso porque o lendário havaiano BJ Penn enfrentará Ryan Hall na primeira luta do card preliminar.

Esta será a segunda luta entre Jon Jones e Alexander Gustafsson. O sueco é considerado por muitos como o lutador que chegou mais perto de derrotar Jones. Os dois se enfrentaram em setembro de 2013, com o americano sendo considerado o vencedor, na decisão unânime dos jurados.

JONES IRONIZA GUSTAFSSON E GARANTE QUE VENCERÁ A REVANCHE

De volta ao UFC após um período bastante conturbado tanto em sua vida pessoal quanto em sua vida profissional, Jon Jones tenta colocar as polêmicas para trás e quer provar para todos que é um novo homem. Ninguém nunca duvidou de seu talento dentro do octógono, mas o americano reconhece os erros que cometeu e falou sobre a expectativa de uma nova vitória sobre Alexander Gustafsson.

- Eu estava nunca postura muito arrogante, não achava que poderia perder. Achava que era impossível eu perder por causa do poder mágico que Deus me deu. Eu estava no auge do meu comportamento festeiro, acordando tarde, faltando a treinos, festejando o tempo todo. Eu estava bêbado durante metade do meu camp de treinamento. E mesmo assim eu venci o Gustafsson. Eu quero que ele saiba que lutou em sua plenitude contra uma versão diluída de mim e mesmo assim perdeu. Agora ele vai me encontrar na minha melhor forma. Quero ver como ele vai se sair. – ironizou um confiante Jon Jones.

Último UFC do ano terá revanche entre Jones e Gustafsson

Apesar de ironizar o sueco e de garantir que está mais preparado para este duelo do que esteve para o último, o americano admitiu que Gustafsson foi o adversário mais duro que enfrentou em sua carreira e falou ainda como a luta com o americano o fez repensar a sua vida.

- Eu acreditava que eu não era humano. O Gustafsson me mostrou que eu sou humano. Deus pode te dar talento, mas se você não se esforçar para mantê-lo, ele não vale nada. Eu estive muito próximo de perder. Isso me mudou para sempre. A partir daquela luta eu comecei a dar muito mais atenção a tudo. Foi ali que eu percebi que eu não era invencível como eu achava. – admitiu o lutador de 31 anos, que cumpriu recentemente uma longa suspensão por conta de doping.

Jones falou ainda sobre o sonho de reconquistar o cinturão dos meio-pesados e disse que quer continuar a construir um legado, para ser considerado um dos melhores da história do MMA.

- Vencer a luta por nocaute ou finalização é muito importante para mim. Muita gente acha que eu perdi a primeira luta e eu quero acabar de uma vez por todas com essas dúvidas na cabeça das pessoas. Acima de tudo, quero pegar o meu título de volta. Isso é o mais importante. Minha missão é ser considerado um dos maiores lutadores da história. Eu quero ser o maior lutador da história do UFC, o maior campeão e o mais dominante. Estou aqui disposto a encarar tudo em busca disso. Gustafssón é mais uma peça no quebra-cabeça. – completou um confiante Jon Jones.

Último UFC do ano terá revanche entre Jones e Gustafsson

GUSTAFSSON GARANTE: “QUERO ACABAR COM A ERA JON JONES”

Se Jon Jones falou grosso de um lado, Alexander Gustafsson respondeu na mesma moeda do outro. Os dois se enfrentaram em setembro de 2013. Na ocasião, Jones venceu de forma apertada, na decisão dos jurados. Desta vez, Gustafsson garante que o final desta história será diferente. O sueco mostra confiança de que vencerá o rival americano, neste sábado, em Inglewood, na Califórnia.

- A era do Jon Jones acabou. Eu estou aqui para tomar o lugar dele. Quero pegar este cinturão para acabar com ele de uma vez por todas. Quando eu conquistar aquele cinturão, será uma experiência nova para mim. Eu já estive à beira do cinturão antes e perdi. Eu sei como é isso, já passei por isso e estou preparado. Nunca fui campeão na minha vida. Estou buscando grandes lutas. Eu perdi para o Cormier, mas agora será diferente. Eu venho treinando e competindo apenas para essa luta. Ele é o melhor cara e eu vou derrotá-lo. Este é o ponto mais alto. Estou muito motivado, estou empolgado e me sinto ótimo. Estou me sentindo muito bem, nunca estive tão em forma quanto agora. – garantiu Alexander Gustafsson, na entrevista coletiva pré-luta.

Último UFC do ano terá revanche entre Jones e Gustafsson

O sueco falou ainda sobre o que espera da luta e compartilhou também mais detalhes sobre a derrota para Jon Jones, há cinco anos e meio, na primeira vez que os dois se enfrentaram.

- Eu aprendi muito com a primeira luta. Foi a minha primeira luta de 25 minutos. Foi a primeira vez que lutei por cinco rounds. Ele era o melhor lutador que tinha. Mesmo tendo perdido, ainda trato aquela luta como um dos pontos altos da minha carreira. É difícil dizer o que espero da revanche. Não será uma luta fácil. Estou preparado para um Jon Jones ainda melhor do que da última vez. Tudo vai ser decidido no dia 29. Não quero mais desculpas. Não importa mais nada agora, o que ele tem feito e nem o que eu tenho feito. – completou o sueco de 31 anos.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.