Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

River Plate vence Kashima Antlers e fica em terceiro no Mundial Interclubes

River Plate vence Kashima Antlers e fica em terceiro no Mundial Interclubes

26 Dezembro 2018por Fernando Verchai

O River Plate venceu o Kashima Antlers do Japão e ficou em terceiro no Mundial de Clubes da FIFA. Neste sábado, antes da grande final entre Real Madrid e Al Ais dos Emirados Árabes, o time argentino conseguiu derrotar a equipe japonesa em um jogo duro, com chances para os dois lados, mas no fim buscando a vitória de goleada e dando a alegria de trazer a terceira colocação do Mundial para Buenos Aires, depois de perder de forma inesperada nas semifinais para o Al Ain nos pênaltis.

O jogo: River é mais efetivo e goleia

O duelo começou com as duas equipes medindo forças no ataque, mas com o River Plate assustando principalmente com Pity Martinez – lembrando que o melhor jogador da equipe argentina na Copa Libertadores já se despede do time e se transfere para o Atlanta United, atual campeão da MLS nos Estados Unidos.

River Plate vence Kashima Antlers e fica em terceiro no Mundial Interclubes

Vale destacar que quando o placar ainda estava em 0 a 0 o time japonês criou uma ótima oportunidade em uma cobrança de escanteio, porém o goleiro Armani estava atento e encaixou a bola. Logo depois, o River Plate abriu o placar aos 22 minutos de jogo. Em outro escanteio, Zuculini subiu no quinto andar e a bola pegou na trave antes de entrar, fazendo assim 1 a 0 para o River Plate. O Kashima Antlers ainda tentou o empate na primeira etapa, mas acertou uma bola no travessão em que Nagaki não teve sorte, pois cortou para o meio e não conseguiu o gol.

Os dois times foram para o intervalo com o River Plate vencendo o duelo pelo placar mínimo, e a segunda etapa prometia mais gols, tanto pelo estilo de jogo das duas equipes como também pelo Kashima ir para o chamado “tudo ou nada” para tentar vencer a equipe argentina e ficar com a terceira colocação do Mundial. Tanto é que a equipe japonesa acertou mais duas vezes o travessão do goleiro Armani, que ficou sem reação e simplesmente torceu para a bola não entrar em uma cobrança de falta e depois em um chute da entrada da área.

E como diz aquele ditado do “quem não faz, toma” o River aumentou. Em uma bela troca de passes, a bola foi passada já dentro da área pelo lado esquerdo a Pity Martinez, que chutou sem chances para o goleiro. O terceiro gol dos argentino foi marcado de pênalti, convertido por Borré no canto direito do goleiro japonês.

Para fechar a conta, nos acréscimos Pity Martínez fez uma pintura. Recebeu a bola e ainda com um marcador na cola deu de cobertura surpreendendo a defesa e o goleiro do Kashima Antlers, fechando o placar em 4 a 0 para o River Plate. A torcida apoiou a equipe do começo ao fim no estádio, mas é fato de que todos os torcedores apaixonados pela equipe argentina prefeririam enfrentar o Real Madrid em uma final que com certeza seria mais emocionante – já que os merengues venceram o Al Ain com muita facilidade por 4 a 1.

Outras equipes que como o River Plate já decepcionaram na semifinal do Mundial Interclubes

Vale destacar que outras equipes que já venceram a Copa Libertadores da América já decepcionaram e ficaram pelo caminho nas semifinais do Mundial Interclubes da FIFA e não conseguiram enfrentar o clube europeu que sempre passou do outro lado da chave.

Uma partida em que o torcedor do Internacional quer esquecer foi contra o Mazembe da África em 2010. O torcedor colorado viu a equipe gaúcha dominar o duelo contra os africanos e desperdiçar várias chances principalmente no primeiro tempo, porém o Mazembe surpreendeu e fez dois gols na segunda etapa e depois se retrancou e o Inter não conseguiu marcar naquele jogo. A final do Mundial Interclubes de 2010 acabou sendo entre Mazembe e Inter de Milão, e os italianos venceram com facilidade por 3 a 0 a grande decisão.

Três anos depois, outro time brasileiro deu “vexame” nas semifinais da competição, sendo desta vez o Atlético Mineiro. O Galo venceu a Copa Libertadores de forma heroica e tinha em seu elenco além de bons jogadores Ronaldinho Gaúcho, claro que com menos forma física do que em seus melhores dias, mas apresentando ainda um ótimo futebol. Naquela ocasião o Atlético Mineiro enfrentou o time da casa Raja Casablanca, que jogava no Marrocos. A opção do time marroquino foi se defender do começo ao fim do jogo, e depender dos contra-ataques para surpreender o goleiro Victor que é um paredão lá atrás para o time de Minas. E o Raja Casablanca conseguiu. A equipe abriu o placar e viu Ronaldinho Gaúcho marcar um lindo gol de falta, porém depois disso acertou dois contra-ataques incríveis e fechou o placar em 3 a 1. Vale destacar que a equipe na época treinada por Cuca perdeu várias chances de fazer gols e acabou ficando pelo caminho ainda nas semifinais.

Outro time sul-americano que deixou passar a oportunidade de disputar o Mundial Interclubes foi o Atlético Nacional de Medellin. A equipe colombiana venceu a Copa Libertadores de 2016 apresentando um bom futebol e chegou para disputar o Mundial com moral e iria enfrentar o Kashima Antlers. Vale destacar que os colombianos eram favoritos e contavam com jogadores como Miguel Borja e Guerra, no entanto se complicaram e perderam a partida nas semifinais por 3 a 0 para os japoneses.

Esse mesmo time japonês complicou a vida do Real Madrid na final daquele Mundial Interclubes, já que vencia a equipe merengue até o segundo tempo, quando “baixou o espírito” em Cristiano Ronaldo que acabou fazendo um hat-trick – dois gols destes sendo na prorrogação – terminando em 4 a 2 pro Real. É fato então que a maioria das finais dos Mundiais acontece entre o vencedor da Libertadores e da Liga dos Campeões, mas em situações como essas faladas e inclusive de 2018 – onde o River perdeu para o Al Ain – podem acontecer e surpreender os amantes do futebol.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.