Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Raptors vencem os Warriors no jogo 1 da final da NBA

Raptors vencem os Warriors no jogo 1 da final da NBA

31 Maio 2019por Stefano De Luca

Deu Toronto Raptors no jogo 1 da grande final da NBA. Jogando em casa, os canadenses fizeram a sua parte, seguraram a pressão do Golden State Warriors, tiveram uma grande atuação defensiva e venceram por nove pontos, triunfando por 118 a 109. Os Raptors estiveram à frente no placar durante quase toda a partida e seguraram o ímpeto dos californianos, que chegaram a esboçar uma reação no terceiro quarto, mas não conseguiram superar a bem composta defesa dos canadenses.

Com a vitória dos Raptors, seria fácil supor que o destaque do jogo tenha sido Kawhi Leonard, mas esse não foi o caso. Não que o camisa 2 não tenha jogado bem. Leonard fez um bom jogo, contribuiu com 23 pontos, pegou oito rebotes e deu cinco assistências, mas o cara do jogo 1 das finais foi Pascal Siakim. O camaronês estava simplesmente imparável, anotou 32 pontos, pegou oito rebotes e deu cinco assistências. Impressionou também o quanto Siakim estava calibrado. O camaronês acertou 14 bolas em 17 tentativas, para dois pontos, chutou 2 de 3 para bolas de três pontos e converteu os dois lances livres que tentou.

Raptors vencem os Warriors no jogo 1 da final da NBA

Siakim, aliás, fez história. Quase perfeito nos arremessos, o camaronês se tornou apenas o sétimo jogador na história de uma final a marcar pelo menos 30 pontos, tendo um aproveitamento de pelo menos 80% nos arremessos de quadra. Com isso, ele se junta a feras como Michael Jordan, Shaquille O’Neal e Kareem Abdul-Jabbar.

A verdade é que todos os titulares do Toronto Raptors jogaram bem. Marc Gasol também fez a sua parte e anotou 20 pontos, além de pegar sete rebotes. Novamente discreto nos arremessos, tendo anotado somente sete pontos, Kyle Lowry ajudou com nove assistências e seis rebotes. Muito mal nos playoffs até aqui, Danny Green teve uma de suas melhores atuações nas últimas semanas, com 11 pontos, anotando três bolas de três.

O banco dos Raptors também contribuiu com pontos importantes. Fred VanVleet novamente jogou bem e anotou 15 pontos. Todos os jogadores que atuaram anotaram pelo menos dois pontos. Jeremy Lin, Jodie Meeks, Malcolm Miller e Eric Moreland nem entraram em quadra.

Raptors vencem os Warriors no jogo 1 da final da NBA

O grande destaque coletivo dos Raptors, porém, ficou por conta da defesa. Bem postada, a defesa de Toronto protegeu bem o seu garrafão e cortou espaços para os Warriors, que foram forçados a arremessar de três, mesmo bem marcados. No total, os Warriors cometeram 16 turnovers, enquanto os Raptors perderam a bola apenas 10 vezes.

Do lado dos Warriors, Kevin Durant mais uma vez não pôde jogar. O camisa 35, grande destaque da equipe californiana, se machucou nas semifinais da Conferência Oeste, há três semanas e continua fora de combate. Ainda não se sabe se KD terá condições de jogo nas próximas partidas da final. Por outro lado, Steve Kerr contou com o retorno de Demarcus Cousins, que retornou após um mês e meio afastado por lesão na coxa. O pivô, porém, ainda está sem ritmo de jogo e atuou durante apenas oito minutos.

O grande destaque de Golden State foi, novamente, Stephen Curry. Em grande fase nos playoffs, o armador dos Warriors foi o cestinha da partida, anotando 34 pontos e ainda contribuindo com cinco assistências e cinco rebotes. O outro Splash Brother, Klay, foi mais discreto. Thompson anotou 21 pontos, pegou cinco rebotes e distribuiu apenas uma assistência.

Raptors vencem os Warriors no jogo 1 da final da NBA

Bem nos playoffs até aqui, Draymond Green jogou bem novamente. O ala-pivô anotou mais um triple-double, com 10 pontos, 10 assistências e 10 rebotes. Se o trio de All-Stars foi bem, o resto da equipe deixou a desejar. Os reservas causaram pouco impacto e acabaram não contribuindo ofensivamente, o que acabou custando caro aos Warriors, que chegaram perto de conseguir virar a partida em alguns momentos, mas acabavam falhando no momento crucial.

Com a vantagem de 1 a 0, o Toronto joga novamente em casa para tentar ir à Califórnia vencendo por 2 a 0. O jogo 2 da grande final da NBA acontece neste domingo, novamente no Canadá. Depois disso, teremos duas partidas em Oakland. A derrota no jogo 1 das Finais da NBA colocou um ponto final no recorde detido pelos Warriors, de 12 vitórias seguidas em jogos de abertura dos playoffs da NBA. Esta é a primeira vez nas cinco finais que Golden State disputou nestes últimos anos, que os californianos perdem o jogo 1 da série.

Com o retorno de Demarcus Cousins, que deve ganhar mais minutos na quadra nos próximos jogos, o técnico Steve Kerr agora reza para que Kevin Durant esteja disponível para os próximos jogos. A tendência é que o camisa 35 perca o jogo 2 da série, mas ainda existe a chance de Durant estar apto a partir do jogo 3 das finais. O treinador, porém, pode ganhar um novo problema. Isso porque Andre Iguodala sentiu dores na perna no último minuto do jogo e começou a mancar. O ala passará por exames para saber a gravidade da lesão, mas segundo Kerr, a princípio ele não preocupa.

- Kevin Durant é um dos grandes jogadores de todos os tempos, tanto na defesa quanto no ataque. Ele acrescenta muito à nossa equipe, mas nós provamos que conseguimos dar conta do recado quando ele está fora e vai ser assim até que ele possa voltar. – minimizou Steph Curry.

Golden State joga para levantar o caneco da NBA pela sétima vez em sua história, enquanto Toronto busca o primeiro título da franquia. Os Raptors, aliás, buscam fazer história, uma vez que jamais uma equipe de fora dos Estados Unidos foi campeã da NBA.

.

Foto de capa: Pascal Siakam foi o destaque do Toronto Raptors no primeiro jogo da final da NBA, contra o Golden State Warriors - 30/05/2019 (Kyle Terada/Reuters)

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.