Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

31 Outubro 2018por Stefano De Luca

O River Plate está na final da Copa Libertadores. A equipe argentina eliminou o Grêmio, em Porto Alegre, e foi a primeira a garantir vaga ne decisão da competição. Agora resta saber quem será o adversário dos Millonarios. Na noite desta quarta-feira, o Palmeiras recebe o Boca Juniors no Allianz Parque. Deste confronto, sairá o adversário do River na finalíssima da Libertadores.

A vantagem é toda do Boca Juniors. Com a estrela de Benedetto – que marcou dois gols – o Boca venceu o Palmeiras por 2 a 0 no lendário estádio de La Bombonera, em Buenos Aires. Com a vitória em casa, os Xeneizes agora podem até se dar ao luxo de perder por um ou dois gols de diferença em São Paulo que mesmo assim se classificam para enfrentar o arquirrival River Plate na final.

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

Ao Palmeiras, resta reverter um resultado quase impossível. O caminho mais fácil seria devolver os 2 a 0 e forçar os pênaltis. Se quiser se classificar no tempo normal, o Verdão precisará golear os argentinos por três gols de diferença no Allianz Parque.

Como teve uma campanha inferior à do rival na fase de grupos, o Boca já sabe que se passar do Palmeiras, jogará a primeira em casa e terá de fazer a decisão da Libertadores em território inimigo, no Monumental de Nuñez, estádio do River Plate. Já o Palmeiras, que teve a melhor campanha da fase de grupos da Libertadores, vive situação oposta. O alviverde sabe que caso passe do Boca, decidirá a finalíssima em casa, de novo no Allianz Parque.

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

FELIPÃO FAZ DUAS MUDANÇAS NO PALMEIRAS PARA O “JOGO DO ANO”

O confronto desta quarta-feira, diante do Boca Juniors, é tratado como o “jogo do ano” dentro do Palmeiras. E não é por menos. Não é segredo para ninguém que a Copa Libertadores é tratada como obsessão pelo Palmeiras desde que a Crefisa começou a investir milhões no time. A patrocinadora ajudou o Verdão a construir um elenco milionário com o objetivo final de vencer a Copa Libertadores e consequentemente, disputar o Mundial de Clubes.

Para isso, porém, o Verdão primeiro precisa passar por cima do penúltimo obstáculo. E não será nada fácil. O Palmeiras precisa fazer um jogo praticamente perfeito nesta noite: precisa vencer o Boca Juniors por três gols de diferença para garantir vaga na final da Copa Libertadores.

Ciente disso, Felipão fez duas mudanças no time do Palmeiras que perdeu para o Boca por 2 a 0, em Buenos Aires, na semana passada. Muito criticados pela torcida, Moisés e Borja foram sacados da equipe para as entradas de Lucas Lima e Deyverson.

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

Ainda sem poder contar com os lesionados Marcos Rocha e Jean, Felipão ainda manterá a dupla de zaga formada por Gustavo Gómez e Luan. Antes reservas, os dois ganharam as vagas de Antônio Carlos e Edu Dracena, que agora fazem a dupla de zaga reserva da equipe. Uma preocupação para Luiz Felipe fica por conta do volante Bruno Henrique. Principal jogador do Verdão na temporada, o volante artilheiro está pendurado e se levar amarelo nesta noite, desfalcará a equipe no primeiro jogo da fina, caso o Palmeiras se classifique.

Felipão já havia sinalizado uma mudança de estratégia na entrevista coletiva pós-jogo, ainda na Bombonera, na quarta-feira passada.

- A lição que nós tivemos é que precisamos trabalhar mais a bola. Precisamos administrar o jogo com mais clareza, para termos condições físicas iguais às do Boca. Vamos precisar de superação e uma colocação diferente, uma mudança de estratégia de jogo, vamos fazer diferente no segundo jogo. Se não fizemos o que normalmente fazemos, vamos tentar fazer e criar mais no próximo jogo. – disse Luiz Felipe Scolari, na ocasião.

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

SUSPENSO, SCHELOTTO NÃO PODERÁ ESTAR NO BANCO DE RESERVAS DO BOCA

Assim como o seu compatriota Marcelo Gallardo, do River Plate, o técnico do Boca Juniors, Guillermo Schelotto também foi punido pela Conmebol e não poderá sentar-se no banco de reservas para o decisivo duelo de sua equipe nesta quarta-feira, no Allianz Parque. O treinador dos Xeneizes terá de acompanhar o jogo isolado, em uma tribuna do estádio.

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentam por vaga na final da Copa Libertadores

O motivo da suspensão foi idêntico ao de Marcelo Gallardo: ter atrasado a volta de sua equipe dos vestiários para o segundo tempo do jogo de ida. Além da suspensão, o treinador ainda foi multado em U$ 1,5 mil. Além de não poder sentar-se no banco de reservas, Schelotto não poderá entrar no vestiário do Boca e nem se comunicar por meio de celular com o seu irmão gêmeo, Gustavo Schelotto, auxiliar técnico e que terá a missão de comandar a equipe argentina nesta quarta-feira, diante do Palmeiras.

Para o jogo de volta das semifinais da Copa Libertadores, os irmãos Schelotto devem repetir praticamente a mesma escalação do Boca Juniors, em relação ao time que venceu o Palmeiras por 2 a 0 na Bombonera. A única mudança deve ser a entrada do atacante Villa no lugar de Zárate. Sendo assim, Benedetto – herói em Buenos Aires com dois gols – deve começar a partida no banco de reservas, assim como ex-corintiano Carlos Tevez, ídolo do Boca Juniors.

Camisa 10 dos Xeneizes, o meia Cardona não foi nem relacionado mais uma vez. O Boca ainda conta com três jogadores pendurados para o jogo desta noite. São eles: o atacante Pavón, o meia Nández e o lateral-esquerdo Olaza.

FICHA TÉCNICA DE PALMEIRAS X BOCA JUNIORS, QUE SE ENFRENTAM NESTA QUARTA-FEIRA, ÀS 21H45:

Palmeiras: Weverton, Mayke, Gustavo Gómez, Luan e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima; Willian, Dudu e Deyverson.

Boca Juniors: Rossi, Jara, Izquierdoz, Magallán e Olaza; Barrios, Nández e Pablo Pérez; Pavón, Villa e Ábila.

Arbitragem: O experiente Wilmar Roldán será o árbitro da partida, auxiliado por Alexander Guzmán e John Alexander Leon. O trio de arbitragem é inteiro colombiano. Já o árbitro de vídeo principal será o chileno Julio Bascuñán.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.