Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Juventus vence Milan com gol de Cristiano Ronaldo e conquista Supercopa da Itália

Juventus vence Milan com gol de Cristiano Ronaldo e conquista Supercopa da Itália

17 Janeiro 2019por Fernando Verchai

A Juventus jogou contra o Milan nesta quarta-feira pela final da Supercopa da Itália nos Emirados Árabes e venceu por 1 a 0 a grande decisão, com um gol do português Cristiano Ronaldo. Foi o primeiro título do craque com a camisa da Juventus, e isso com certeza anima para as próximas rodadas do Campeonato Italiano e da Liga dos Campeões.

O Milan até conseguiu equilibrar o jogo e teve uma bola no travessão com Crutone no segundo tempo, mas a equipe de Turim soube aproveitar melhor suas oportunidades e Cristiano Ronaldo cabeceou bem depois de um bom cruzamento de Pjanic.

Juventus vence Milan com gol de Cristiano Ronaldo e conquista Supercopa da Itália

Primeiro tempo: jogo equilibrado com ataques para as duas equipes

A primeira etapa na cidade de Jeda na Arábia Saudita entre Juventus e Milan pela final da Supercopa Italiana começou sem tantos perigos para as metas dos dois lados, e os goleiros das duas equipes não tiveram tanto trabalho nos primeiros minutos. Vale destacar que Douglas Costa teve uma ótima oportunidade no primeiro tempo, quando recebeu a bola dentro da área e chutou colocado e quase abriu o placar para a Velha Senhora.

O Milan assustou um pouco e Lucas Paquetá – o técnico e ex-jogador do Milan Gattuso colocou o brasileiro como titular da equipe na final, e foi substituído por Higuain no segundo tempo – jogou bem, e deu alguns passes importantes na primeira etapa e ajudou a equipe na parte defensiva, principalmente bloqueando ataques pelo lado direito da Juventus com Douglas Costa e Dybala.

Depois dos 30 minutos o duelo começou a ficar um pouco mais aberto. Cristiano Ronaldo teve sua melhor oportunidade da primeira etapa em um cruzamento da esquerda, em que o craque da seleção portuguesa pegou de voleio e quase marcou um gol antológico (assim como aquele que havia marcado quando ainda vestia a camisa do Real Madrid na temporada passada contra a própria Juventus).

Vale destacar que Matuidi até marcou um gol, no entanto estava impedido na hora do passe de Dybala. As duas equipes recuaram e passaram a cadenciar mais a partida quando viram que se o duelo se aproximava do intervalo, e os dois times foram para os vestiários com o 0 a 0 no placar. Tanto o técnico Gattuso como Allegri da Juventus teriam que “bater cabeça” no segundo tempo, porque a partida não seria fácil pra nenhuma das equipes, e um talento individual teria que se destacar – e foi o que aconteceu.

Segundo tempo: Cristiano Ronaldo decide a partida para a Juventus

A segunda etapa começou um pouco mais movimentada do que a primeira, já que as duas equipes queriam a vitória para dar a seu torcedor que foi apoiar o time mesmo o jogo sendo longe da Itália – vale lembrar que o duelo foi realizado nos Emirados Árabes, por questões comerciais.

E o Milan começou assustando e quase abriu o placar, com Crutone. Após receber uma bola pelo meio, o jogador simplesmente soltou uma “bomba” no travessão, e quase fez com que o time de Milão pulasse na frente no clássico. Logo depois, veio a resposta da Juventus, e foi fatal.

O meia Pjanic, que por sinal faz uma passagem incrível pela Juventus sendo titular absoluto no esquema tático de Allegri, deu um cruzamento perfeito para Cristiano Ronaldo, que dentro da área soube fazer sua especialidade: o gol. O português fez seu décimo sexto gol pela Juventus e todos os companheiros foram comemorar com ele.

Ali restava à Juventus segurar o placar e Gattuso se mexeu no banco para dar mais poder ofensivo ao Milan. O técnico tirou o brasileiro Lucas Paquetá, que até fez uma boa partida, e colocou o argentino Gonzalo Higuain para tentar algo de ofensivo no “tudo ou nada”, porém não adiantou.

A Juventus soube segurar o placar, e inclusive ainda teve mais um gol anulado corretamente de Dybala, pois o argentino tabelou com Matuidi e desta vez os dois estavam impedidos na jogada dentro da área. Vale dizer que o Milan ainda teve Kessié expulso, depois de o árbitro consultar o VAR (sigla em inglês para o árbitro de vídeo). A partir dali ficou muito difícil e a equipe rossonera não conseguiu oferecer mais perigo a Velha Senhora, e o gol de Cristiano Ronaldo deu o título da Supercopa da Itália para a Juventus.

Lucas Paquetá faz bom jogo e está em processo de evolução

Vale destacar que o brasileiro Lucas Paquetá jogou até que uma boa partida nesta final de Supercopa da Itália pelo Milan, e resta ao brasileiro se adaptar ao futebol europeu que exige mais intensidade e posicionamento tático, tanto ofensivo como defensivo.

O meia começou nas divisões de base do Flamengo do Rio de Janeiro e logo se destacou, subindo para o profissional e sendo usado na equipe titular rubro negra por praticamente todos os treinadores.

Vale dizer que Lucas Paquetá marcou em duas finais importantes que disputou com o time carioca, que foram a Copa Sul-Americana contra o Independiente e a Copa do Brasil contra o Cruzeiro. Marcou dois gols importantes no Maracanã, abrindo o placar nas finais destas duas competições, no entanto vale destacar que não conseguiu trazer nenhum título para o Flamengo, já que o Independiente da Argentina acabou empatando a final da Sul-Americana com Barco e levou o título, e o Cruzeiro empatou o jogo no Maracanã com um gol do uruguaio de Arrascaeta – que esta temporada de 2019 fechou com o próprio Flamengo – e o rubro negro acabou perdendo nos pênaltis o título para o Cruzeiro no Mineirão.

Mesmo assim o jovem Paquetá chamou a atenção dos europeus e foi disputado por muitas equipes, sendo contratado pelo Milan para reforçar a equipe italiana agora em janeiro. Agora resta a Lucas Paquetá continuar evoluindo seu futebol e se adequar ao futebol italiano que prioriza bastante a força física, para que continue sendo convocado pelo técnico Tite para a seleção brasileira – Lucas Paquetá já foi convocado e promete ser um dos nomes da renovação do Brasil para a próxima Copa do Mundo.

Juventus vence Milan com gol de Cristiano Ronaldo e conquista Supercopa da Itália

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.