Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Johnny Walker e Vicente Luque são derrotados no UFC 244

Johnny Walker e Vicente Luque são derrotados no UFC 244

06 Novembro 2019por Stefano De Luca

O estreladíssimo card do UFC 244, realizado no último final de semana, no lendário Madison Square Garden teve a presença de dois brasileiros. Na terceira luta principal da noite, Vicente Luque encarou o veterano Stephen Thompson, enquanto o promissor Johnny Walker fechou o Card Preliminar, enfrentando Corey Anderson. O resultado dos brazucas, porém, não foi nada animador. Os dois acabaram sendo derrotados em Nova York.

Além da dupla, tivemos ainda o tão esperado duelo entre Darren Till e Kelvin Gastelum, dois dos principais nomes da categoria dos médios do Ultimate e o confronto de pesos-pesados entre os grandalhões Derrick Lewis e Blagov Ivanov. Tanto Till quanto Lewis venceram os seus confrontos, na decisão dividida dos jurados. Na abertura do Main Card, Kevin Lee nocauteou Gregor Gillespie, ainda no primeiro round.

Já pelo Main Event da noite, tivemos uma luta que acabou frustrando aos espectadores, não pela qualidade do combate, mas pela inesperada intervenção médica, já que o médico do UFC não permitiu que Nate Diaz continuasse a luta por conta de um profundo corte no supercílio. Com isso, a luta foi interrompida no intervalo do terceiro para o quarto round e Jorge Masdival foi anunciado o vencedor, por nocaute técnico.

Johnny Walker, que vivia grande fase no UFC, entrou no cage na luta que encerrou o Card Preliminar, para enfrentar o experiente Corey Anderson. Vindo de dois nocautes relâmpagos e com a confiança lá em cima, o brasileiro acabou exagerando nas brincadeiras e foi surpreendido pelo norte-americano, que mostrou também possuir poder de nocaute, derrotando o brasileiro com pouco mais de dois minutos de luta, ainda no primeiro round.

Brincalhão, Walker começou a luta se movimentando bastante, provocando o rival. O americano partiu para a luta agarrada e aos poucos, foi encontrando a melhor distância. Em um momento de distração do brasileiro, Anderson acertou um bonito direto de direita, que derrubou Walker. O brasileiro conseguiu se recuperar, mas recebeu uma nova série de golpes, caiu de novo e apagou, causando a interrupção do árbitro Kevin MacDonald, decretando a vitória de Corey Anderson, por TKO.

Corey Anderson, que não gostou nada das excessivas brincadeiras e provocações de Johnny Walker, comemorou a vitória de maneira contundente, gritando no rosto do adversário, precisando inclusive ser contido pelo árbitro central.

- Eu quero agradecer a todos que vieram aqui e quero lembrar as pessoas, que tem memória curta, de que eu já nocauteei muitos adversários. Esse é o nível do meu jogo. Eu tenho 14 lutas pelo UFC e não sou respeitado pela organização. Eu estou aqui. Quero ver me vaiarem agora. – disse, em tom de desabafo, Corey Anderson, ainda no octógono, após nocautear Johnny Walker.

O nocaute diante de Johnny Walker rendeu ao americano ainda o bônus de 50 mil dólares, pela “Performance da Noite” no Madison Square Garden. O norte-americano de 30 anos de idade venceu pela quarta vez consecutiva e chegou a 13 triunfos em 17 lutas no MMA. Já Johnny Walker, que vinha de três nocautes seguidos, volta a ser derrotado após três anos e meio e sofreu o quarto revés em 21 lutas na carreira.

Outro brasileiro que decepcionou na noite em Nova York foi Vicente Luque. O brasileiro não foi páreo ao veterano americano Stephen Thompson e acabou sendo superado pelo rival na decisão unânime dos jurados (30-26, 30-26 e 29-27). Vindo de seis triunfos consecutivos, o brasileiro acabou parando no talento e na experiência do “Wonderboy” que dominou a luta nos três rounds e venceu com certa tranquilidade.

Apesar da derrota, o brasileiro leva como prêmio de consolação o bônus de 50 mil dólares que ele e Thompson embolsaram pelo prêmio de “Luta da Noite” em Nova York. Aos 36 anos de idade, Thompson volta a vencer após duas derrotas consecutivas no UFC. Ele soma agora 15 vitórias e quatro derrotas no MMA profissional. Já Vicente Luque, volta a ser derrotado após mais de dois anos e meio. O brasileiro vinha de seis triunfos seguidos e não perdia desde março de 2017, quando foi superado por Leon Edwards.

DARREN TILL ESTREIA NOS MÉDIOS COM VITÓRIA DIANTE DE KELVIN GASTELUM

Darren Till teve a estreia dos sonhos em sua nova categoria, a dos médios do UFC. O inglês estreou na nova categoria com uma vitória diante de um dos melhores lutadores da divisão, o norte-americano Kelvin Gastelum. A luta colocou frente a frente dois dos mais promissores atletas do UFC na atualidade, mas que passam por momentos complicados.

O duelo foi equilibradíssimo e Till acabou sendo anunciado o vencedor na decisão dividida dos jurados, com parciais de 29-28, 27-30 e 30-27. Chama atenção a disparidade entre as pontuações dos três jurados da noite. Com o triunfo, Darren Till, de 26 anos, deixa para trás os reveses diante de Jorge Masdival e Tyron Woodley e tenta engatar uma nova boa fase no UFC. Em 21 lutas na carreira, o inglês perdeu apenas duas.

Já Kelvin Gastelum, de 28 anos, acaba amargando a sua segunda derrota consecutiva, já que vinha de derrota para Israel Adesanya. O americano passa por momento complicado na carreira, tendo sido derrotado em três das últimas cinco lutas que realizou. Apesar disso, ele segue com um bom retrospecto na carreira, com 15 vitórias e cinco derrotas.

Pelo segundo duelo do Main Card da noite no UFC 244, em Madison Square Garden, Derrick Lewis levou a melhor sobre Blagov Ivanov, no grande duelo de pesos-pesados do evento em Nova York. Também na decisão dividida, o norte-americano acabou sendo anunciado o vencedor (30-27, 28-29 e 29-28). Já na luta que abriu o Main Card da noite, Kevin Lee nocauteou Gregor Gillespie ainda no primeiro round, com um belíssimo chute alto de perna esquerda, no rosto do adversário, que caiu na hora.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.