Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Blog

It’s not coming home: derrota nas semis coloca ponto final no sonho inglês

It’s not coming home: derrota nas semis coloca ponto final no sonho inglês

12 Julho 2018por Stefano De Luca

Completamente desacreditada antes do início do Mundial, a Inglaterra foi uma das gratas surpresas da Copa do Mundo da Rússia. Embalados por sua fanática torcida, o English Team fez bonito e chegou até a semifinal do torneio, sendo derrotada na prorrogação pela Croácia. Para a tristeza dos fãs, que ecoaram durante todo o mês o hit “Football’s coming home”, a Inglaterra terá que esperar pelo menos mais quatro anos para voltar a ter uma chance de levantar a taça da Copa do Mundo. A Inglaterra inventou o futebol, mas venceu o Mundial apenas uma vez, lá em 1966. Fora isso, jamais chegou a outra final e disputou a semifinal da Copa do Mundo apenas três vezes.

Se passou vergonha nos últimos Mundiais que disputou, desta vez pelo menos a Inglaterra caiu de pé. A campanha na Rússia foi acima do esperado e Gareth Southgate, treinador da equipe, se mostrou muito orgulhoso da façanha conquistada pelos seus comandados na Copa de 2018.

"Eu não poderia estar mais orgulhoso do meu time. Os jogadores terminaram a partida esgotados. Isso faz parte da experiência. Eles vão evoluir fisicamente. A Croácia tomou boas decisões e contam com jogadores mais acostumados com esse tipo de situação. Nossos jogadores vão ter mais experiência, vão passar por isso e vão crescer. Os times que ganham não cruzam a linha de chegada logo na primeira tentativa. Vamos ter um time mais forte no futuro", garantiu o comandante inglês, lembrando que a sua seleção era uma das mais jovens dentre todas que disputaram a Copa do Mundo.

Outro que encheu o time inglês de elogios foi Gary Lineker, um dos maiores ídolos da história da seleção e atualmente comentarista de TV.

"Estou totalmente devastado. Mas este jovem time deu absolutamente tudo de si. É um grande passo para frente e eles vão estar ainda melhores no futuro. Eles devem manter a cabeça erguida, eles deixaram o país inteiro orgulhoso. Parabéns a Croácia pela classificação", escreveu Lineker, em sua conta no Twitter.

Superando expectativas

Southgate falou um pouco mais sobre a campanha da Inglaterra, que superou as expectativas de todos. Apesar de não ter jogado contra nenhuma favorita, os ingleses passaram pela Colômbia nas oitavas e pela Suécia nas quartas, antes de serem derrotados pela Croácia nas semifinais.

"Um time inexperiente como o nosso tem que passar por coisas assim para ficar ainda melhor. Para virar um time vencedor, é necessário passar por barreiras. Foi uma ótima oportunidade para nós. Provamos que é possível ir longe. Provamos para nós mesmos e para o nosso país. Agora temos um novo nível de expectativa", disse ainda o treinador inglês.

Quem também atendeu a imprensa após a frustrante derrota para a Croácia foi Harry Kane, artilheiro do Mundial com seis gols marcados. O camisa 9 da Inglaterra viveu uma noite para esquecer diante dos croatas, perdendo duas chances incríveis no mesmo lance.

"Estamos arrasados por não chegarmos onde queríamos ter chegado. Ficamos muito decepcionados. Estivemos muito perto. Vai doer muito por algum tempo. Machuca e estamos desapontados. Mas temos que aprender com isso, temos que sacudir a poeira e voltar ainda melhores", disse Harry Kane, ainda no gramado do estádio.

O artilheiro inglês falou ainda sobre as circunstâncias do jogo. A Inglaterra saiu na frente logo no comecinho, com um golaço de falta de Trippier, mas recuou demais no segundo tempo, levou o empate e acabou tomando a virada na prorrogação.

"Até eles marcarem o gol, estávamos ali atrás esperando. Depois que eles fizeram o gol, eles melhoraram muito. Poderíamos ter feito melhor. Na Inglaterra, vão falar muito da minha oportunidade perdida. Eles jogaram bem e fizeram um jogo bonito. É difícil dizer exatamente o que aconteceu. Foi excelente ter chegado até essa fase, mas claro que queríamos ter ido além. Faltou um pouco. Dói muito, não sei mais o que dizer", completou um abatido Harry Kane.

via GIPHY

Após derrota, Inglaterra mira o terceiro lugar

Inglaterra e Bélgica farão neste sábado, em São Petersburgo, a disputa pelo terceiro lugar da Copa do Mundo de 2018. Longe de ter o glamour da final, o jogo serve como uma espécie de “prêmio de consolação” para as duas equipes envolvidas. Apesar de não valer muita coisa, além do simbólico terceiro lugar, o jogo é encarado com muita seriedade por Gareth Southgate, que indicou que deve mexer no time titular para o confronto com os belgas.

"Nós queremos muito vencer o jogo contra a Bélgica. Chegamos de volta em São Petersburgo às 6h da manhã. Vamos ver quem vai entrar, quem está em condições de jogar. De repente, eu posso colocar uma energia nova no time. Queremos terminar bem a Copa do Mundo. Há uma medalha em disputa. Temos a chance de ganhar uma medalha. Temos que reconhecer a jornada que fizemos e o objetivo que alcançamos. Houve uma evolução muito grande nos últimos meses. Os jogadores aprenderam muito. Derrubamos barreiras e escrevemos história. Construímos muita coisa", disse o treinador da seleção inglesa.

Quem também reforçou a motivação da Inglaterra para o jogo com a Bélgica foi o artilheiro Harry Kane, principal destaque da equipe. Vale lembrar que Inglaterra e Bélgica já se enfrentaram na última rodada da fase de grupos deste Mundial. Na ocasião, as duas equipe entraram com equipes compostas por jogadores reservas e os belgas venceram por 1 a 0, com gol de Januzaj.

"Toda vez que você entra em campo pela Inglaterra, você quer vencer. Obviamente a derrota ainda nos dói, mas temos que levantar a cabeça. É importante terminar a competição de maneira positiva. Queremos terminar fortes", disse o capitão da seleção inglesa, artilheiro da Copa do Mundo com seis gols marcados.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

6. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

7. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

8. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

9. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

10. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.