Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Francis Ngannou arrasa Cain Velásquez em 26 segundos em Phoenix

Francis Ngannou arrasa Cain Velásquez em 26 segundos em Phoenix

19 Fevereiro 2019por Stefano De Luca

O tão esperado duelo entre pesos pesados, que marcou o Main Event do UFC Phoenix, durou menos de 30 segundos. Elétrico, Francis Ngannou mostrou que a mão dele é pesadíssima. Sem dó nem piedade, o camaronês arrasou Cain Velásquez, nocauteado o ex-campeão da categoria em apenas 26 segundos na luta principal em Phoenix, Arizona. O avassalador nocaute acabou frustrando a volta de Cain, que lutava em casa e tinha o apoio total da torcida, após quase três anos sem entrar no octógono.

Muito querido em sua terra natal, Cain Velásquez entrou no cage sendo ovacionado pela torcida que lotou a Talking Stick Arena. Por outro lado, Francis Ngannou entrou no octógono muito vaiado, em clima nada amistoso. Dentro do cage, porém, o camaronês mostrou que as vaias não o incomodaram e dominou o americano.

A luta entre os pesos-pesados foi franca. Ngannou levou a melhor rapidamente. O camaronês acertou uma bomba que balançou Cain. Na sequência, acertou mais dois socos no rosto do americano, que ainda torceu o joelho antes de cair no chão e receber mais golpes do camaronês, até a interrupção do árbitro, decretando vitória de Francis Ngannou por nocaute com apenas 26 segundos de luta em Phoenix. Logo após a interrupção do juiz, o camaronês ainda tratou de provocar a torcida, pedindo silêncio a um atônito público na arena.

- Gostaria de agradecer a todos que me apoiaram. Eu dedico esta vitória ao meu tio, que faleceu no mês passado. Eu estou de volta, como puderam ver. Espero que gostem do fato de eu estar de volta. – declarou Francis Ngannou, após nocautear Cain Velásquez.

Logo após ser atropelado por Ngannou, Cain mostrou solidariedade com o rival, pedindo que a torcida parasse de vaiar e começasse a aplaudir o camaronês.

- Vamos aplaudir o Francis. Ele veio aqui e fez o trabalho dele. Foi uma luta muito rápida, mas ele fez o trabalho dele. Vamos aplaudir. Eu estava bem, relaxado e preparado para essa volta. Eu sei que posso dar muito mais, eu queria ter feito muito mais. – disse um humilde Cain.

O veterano Cain Velásquez, de 36 anos de idade, voltou a lutar após dois anos e meio afastado do octógono. O americano perdeu pela terceira vez em 17 lutas. Antes de Ngannou, apenas Fabricio Werdum e Junior dos Santos haviam conseguido vencer Cain.

Aos 32 anos de idade, Francis Ngannou venceu pela 12ª vez em 15 lutas na carreira. Ele parece ter reencontrado a sua melhor forma, tendo vencido pela segunda vez consecutiva, depois de dois reveses em seguida. O camaronês, que vinha de derrotas para Stipe Miocic e Derrick Lewis, havia nocauteado Curtis Blayde em apenas 45 segundos antes de atropelar Cain Velásquez.

Um ano depois de ser superado por Stipe Miocic na decisão unânime dos jurados, Ngannou acredita que merece mais uma chance de disputar o cinturão dos pesados, que agora pertence ao americano Daniel Cormier.

- Eu me sinto feliz. Eu me senti feliz a semana toda. Eu vim aqui para me divertir. Queria aproveitar a luta e estou vivendo um sonho. Mal posso esperar para ver o que vai acontecer. Eu acho que eu mereço a chance de disputar o título. Depois dessa vitória, eu mereço o cinturão. Eu acabei de vencer o companheiro de treinos do Cormier. Então acho que mereço ficar frente a frente com ele. Sou um lutador melhor hoje do que era quando Miocic me derrotou. A derrota me trouxe muita experiência. Hoje sei lidar com frustrações e sou um lutador melhor. Eu passei por tudo isso, cai e voltei. Sei exatamente o que é preciso para vencer. – declarou um empolgado Francis Ngannou.

Francis Ngannou arrasa Cain Velásquez em 26 segundos em Phoenix

O camaronês ainda comentou sobre a torção de joelho de Cain Velásquez, que acabou se machucando no decorrer da luta, o que na opinião de alguns, acabou sendo o principal motivo da derrota do americano.

- Ele torceu o joelho depois que eu o acertei. Foi por isso que ele se machucou, porque eu o acertei. Quando ele caiu, eu sabia que ele tinha se machucado, porque ele caiu de um jeito estranho. O uppercut pegou. Na luta eu não vi direito, mas analisando o replay, vejo que o uppercut pegou e fez ele virar, machucar o joelho. O Cain é um ótimo wrestler, mas eu já venci muitos wrestlers. Eles sempre tentam me levar para o chão. – completou o peso pesado camaronês.

KRON GRACIE VENCE EM ESTREIA; RENAN BARÃO PERDE MAIS UMA E CORRE RISCO DE DEMISSÃO

Dentre outros resultados de destaque do UFC Phoenix, tivemos a vitória de Kron Gracie – filho de Rickson e neto de Hélio – em sua estreia na organização. Agora com cinco vitórias em cinco duelos como profissional de MMA, Kron finalizou Alex Caceres no primeiro round, com um mata-leão.

Já Renan Barão – que durante muito tempo permaneceu invicto e foi campeão do peso-pena do UFC – mostrou que continua em má fase, tendo sido derrotado pela quarta vez consecutiva. Aos 32 anos de idade, Renan perdeu sete das últimas nove lutas que disputou e corre sério risco de ser dispensado pela organização.

Outro brasileiro que lutou no final de semana foi Vicente Luque. Em boa fase, Luque nocauteou Bryan Barberena a seis segundos do fim da luta e engatou a sua quarta vitória consecutiva no UFC. Empolgado com o triunfo, ele agora pede um duelo contra um adversário top 10 da categoria dos meio-médios da organização.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.