Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Cruzeiro empata com Palmeiras e enfrenta o Corinthians na final da Copa do Brasil

Cruzeiro empata com Palmeiras e enfrenta o Corinthians na final da Copa do Brasil

27 Setembro 2018por Fernando Verchai

O Cruzeiro segurou o Palmeiras no segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil, e a Raposa passou à final da competição para encarar o Corinthians, após o time paulista eliminar o Flamengo e também ir à final da competição, (empatando em 0X0 no Maracanã e vencendo pelo placar de 2X1 em sua casa).

O empate por 1X1 no Mineirão levou o Cruzeiro à sua oitava final da competição, e agora tenta ser o primeiro hexacampeão e o primeiro a ser o bicampeão consecutivo da Copa do Brasil.

O cruzeiro do estrategista e muito bom treinador Mano Menezes realmente tem jeito e consegue aguentar a pressão e jogar competições como a Copa do Brasil. No primeiro jogo do Allianz Parque a Raposa venceu o Verdão por 0X1, com gol de Barcos, e levou essa vantagem para o jogo da volta.

Cruzeiro Copa do Brasil Mano Menezes

Como dito, se o Cruzeiro vencer a Copa do Brasil chega ao hexacampeonato, e passa o Grêmio que tem cinco conquistas da competição nacional. Já o Palmeiras, que sofreu seu primeiro deslize com Luiz Felipe Scolari no comando, tem ainda a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro pela frente. 

Grande jogo! 

Quem fez o gol do cruzeiro foi Hernán Barcos, logo no primeiro tempo, após ótima enfiada de bola de Lucas Silva nas costas do zagueiro Antônio Carlos. O “pirata” driblou o goleiro Weverton e chutou quase sem ângulo para o fundo das redes, deixando o clube mineiro em vantagem no placar. No primeiro tempo o Palmeiras já tentava o empate, e teve duas grandes chances.

A primeira com Moisés, numa jogada de cabeça em que Fábio fez uma boa defesa. A segunda, Willian passou a bola para trás para o próprio Moisés, que chutou cruzado e Fábio fez uma ótima defesa. Falar que Fábio faz grandes defesas e que está jogando bem parece que ficou redundante, pois o capitão da Raposa salvou o time na primeira etapa, se consagrando cada vez mais como um dos principais nomes do futebol brasileiro, e caindo cada vez mais nas graças da torcida mineira. 

No intervalo para o segundo tempo, Luiz Felipe Scolari fez duas alterações, colocou Guerra e Deyverson para o time ficar mais ofensivo e então foi para o ataque. O time palmeirense voltou com outra cara e logo no início do segundo tempo conseguiu o empate, com o também ex-cruzeirense Felipe Melo (parece que a “lei do ex” funcionou nesta quarta no Mineirão).

O gol do volante alviverde foi de cabeça, após um escanteio bem batido cobrado por Dudu. O Cruzeiro se recuou um pouco e deu pra perceber que sentiu o gol, pois se sofresse mais um, poderia então perder a sua vantagem construída no jogo da ida e isso foi perceptível nos jogadores do time mineiro. Aos 16 minutos Mano Menezes resolveu mudar, e colocou Sassá e Bruno Silva no lugar do artilheiro Barcos e de Thiago Neves. 

As alterações do treinador deram certo, pois o Cruzeiro voltou a ter mais posse de bola, e começou a criar chances pra também chegar no segundo gol, algumas vezes no contra-ataque. Claramente depois da metade do segundo tempo a equipe mineira começou a “cozinhar” o jogo e deixar os jogadores do Palmeiras irritados, já que o Cruzeiro naquele momento jogava com o regulamento debaixo dos braços. Chegou ao final do jogo, e o árbitro da partida encerrou o jogo. 

Logo após o apito final, cenas lamentáveis aconteceram no Mineirão. Uma briga entre os jogadores aconteceu, e eles saíram no tapa. Do lado do Palmeiras, dois ex-Cruzeiro ficaram um pouco exaltados (Mayke que estava no bando de reservas e Diogo Barbosa), e os dois laterais acabaram recebendo o cartão vermelho pelo árbitro da partida. Do lado do Cruzeiro, Sassá foi o que mais deu trabalho e quis brigar – e também foi expulso antes de sair do campo, vale dizer que o jogador deu um soco no adversário, e isto foi totalmente filmado, assim deve sofrer grande punição e ficar de fora de várias outras partidas. 

O duelo ainda continua 

No final ainda nos bastidores, Luiz Felipe Scolari lembrou que o time do Cruzeiro irá visitar o Palmeiras domingo, e o jogo então do Campeonato Brasileiro promete, com ambas as equipes ficando frente a frente mais uma vez. As duas equipes concentram suas energias agora para o Campeonato Brasileiro.

Cruzeiro Copa do Brasil Palmeiras

O Palmeiras tem a Libertadores onde pega no jogo de volta o Colo Colo (venceu a primeira partida por 0X2 no Chile e está mais tranquilo). Já o Cruzeiro, concentra também suas energias além da final da Copa do Brasil, na difícil missão de eliminar o Boca Juniors no jogo de volta da Copa Libertadores (na ida o time de Mano Menezes perdeu em La Bombonera por 2X0), vale lembrar que apesar da expulsão injusta do zagueiro Dedé, ainda assim ele houve uma revisão para isto e então ele está liberado para atuar nesta segunda partida no Mineirão.  

Dois grandes técnicos 

Este também foi o duelo de dois grandes nomes do futebol brasileiro, os quais possuem estilos de jogo muito bem implementados, conseguindo transmitir tudo isto para o elenco e então alcançando grandes resultados dentro de campo. O Cruzeiro por mais um ano mostra organização e bom futebol, se reforçando cada vez mais e aumentando seu nível de confiança, assim em 2019 deve continuar jogando em alto nível com o técnico Mano Menezes, mostrando grande sequência e longevidade.

Cruzeiro Copa do Brasil Palmeiras

Do outro lado, Luiz Felipe Scolari já provou seu potencial assim que chegou no Palmeiras, com a equipe melhorando rapidamente, mostrando evolução em todas as competições, assim apesar da eliminação na Copa do Brasil (em duelos onde o Palmeiras jogou bem e foi vencido por um competente adversário), ainda assim a equipe está muito próxima da semifinal da Copa Libertadores, além de estar lutando pelo título do Campeonato Brasileiro, ou seja, é claro que é muito difícil vencer as três competições, mas o que importa é que o clube mostra alta competitividade em vários jogos e muito provavelmente levantará uma importante taça neste ano de 2018, levando grandes alegrias a sua torcida.  

Cruzeiro Copa do Brasil Palmeiras

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.