Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Cowboys superam pressão dos Seahawks e avançam nos playoffs

Cowboys superam pressão dos Seahawks e avançam nos playoffs

07 Janeiro 2019por Stefano De Luca

Jogando em casa e empurrado por sua fanática torcida, o Dallas Cowboys fez valer o mando do jogo e venceu o Seattle Seahawks, em partida dramática, no Texas. O jogo, que ficou marcado por uma seríssima lesão sofrida por Allen Hurns, dos Cowboys, terminou com a vitória da equipe texana, por 24 a 22. Sendo assim, os Cowboys deixam pelo caminho o sempre perigoso Seattle Seahawks e confirmam o encontro com o Los Angeles Rams, em duelo válido pela semifinal da NFC.

Apesar do placar apertado e dos momentos de dramaticidade, os Cowboys estiveram à frente no placar durante quase o jogo inteiro. Logo no começo, Maher converteu um field goal, anotando os únicos pontos de um truncado primeiro quarto. Ainda no primeiro quarto, um momento de tensão tomou conta do AT&T Stadium. Allen Hurns recebeu um passe de Dak Prescott e acabou vendo o defensor dos Seahawks cair por cima de sua perna, provocando uma seríssima lesão, que terminou em fratura exposta no tornozelo. O jogo ficou parado por alguns minutos para que o atleta dos Cowboys – obviamente sentindo muita dor – pudesse ser retirado do jogo, pela maca. Jogadores dos dois clubes se emocionaram com a forte cena em Dallas.

Por um breve momento no segundo quarto, os Seahawks chegaram a virar o jogo. Mesmo sem conseguir anotar um TD sequer no primeiro tempo, Seattle viu Janikowski converter dois field goals. No finalzinho do segundo quarto, o primeiro touchdown do jogo saiu, com Dak Prescott achando Michael Gallup na endzone. O time da casa foi para o intervalo vencendo por 10 a 6.

O segundo tempo foi mais jogado e menos travado em Dallas. Sem conseguir anotar um TD sequer no primeiro tempo, o Seahawks voltou mais afiado para o segundo tempo. Em uma improvável quarta descida, Russel Wilson conseguiu achar um passe no limite para Doug Baldwin. Na continuação da mesma campanha, foi o próprio Russel Wilson que terminou dentro da endzone para dar um sinal de vida à Seattle. Os Hawks ainda surpreenderam ao optarem por tentar uma conversão de dois pontos, bem-sucedida.

A resposta dos Cowboys foi imediata, com mais um TD, desta vez anotado pelo letal Ezekiel Elliott na enzone, recolocando Dallas na frente, desta vez por 17 a 14. Na campanha seguinte, os Cowboys tiveram uma chance de ouro de anotar mais um touchdown e matar a partida, mas Dak Prescott lançou mal e acabou interceptado por KJ Wright. Os Seahawks não aproveitaram a posse de bola e ela logo voltou para os Cowboys, que viram o próprio Dak Prescott entrar na endzone e ampliar a vantagem para um confortável 24 a 14.

Faltando poucos minutos para o final do jogo, o Seattle colocou as suas esperanças no ombro do talentosíssimo Russel Wilson, que achou um sensacional avanço de 56 jardas, conectando com Tyler Lockett. O TD deu esperanças ao Seahawks, que ainda converteram mais uma conversão de dois pontos. Acontece que restavam apenas segundos para o final do jogo. Seattle precisou apelar para o tudo ou nada arriscando um onside kick, mas não chegou nem perto de recuperar a bola, dando a vitória ao Dallas Cowboys, por 24 a 22.

DALLAS ESTÁ NAS SEMIFINAIS DA NFC

Além de eliminar o sempre perigoso Seattle Seahawks, o Dallas Cowboys ainda deu mais um importante passo rumo ao sonhado Super Bowl. A franquia texana está agora nas semifinais da Conferência Nacional. O próximo adversário dos Cowboys será o Los Angeles Rams, uma das equipes com a melhor campanha durante a temporada regular da NFL. O duelo acontece neste sábado, dia 12 de janeiro, às 23h15, na casa dos Rams, na Califórnia.

Quem vencer este confronto enfrenta na final da NFC o ganhador do duelo entre New Orleans Saints e Philadelphia Eagles, que se enfrentam neste domingo, dia 13 de janeiro, às 19h40, em Nova Orleans. O duelo coloca frente a frente o atual campeão, Eagles, com a equipe com a melhor campanha na temporada regular, o Saints.

Já na AFC, as semifinais serão entre as seguintes equipes: no sábado, dia 12, às 19h35, o favorito Kansas City Chiefs, de Patrick Mahomes, recebe o Indianapolis Colts, que eliminou o Houston Texans na rodada wild card. Já no domingo, dia 13, às 16h05, o New England Patriots, de Tom Brady, recebe o Los Angeles Chargers, em Foxborough. Os ganhadores destes dois duelos jogam entre si na final da AFC.

RUSSEL WILSON CRITICA ESTRATÉGIA DOS SEAHAWKS EM DERROTA PARA OS COWBOYS

Russel Wilson não estava nada contente com a atuação de sua equipe na derrota do Seattle Seahawks para o Dallas Cowboys, no Texas, pela rodada de Wild Card da NFC. De acordo com o QB, o principal jogador da franquia, os Hawks erraram na estratégia de insistir no jogo terrestre, ao invés de confiar no jogo de passes.

- Estávamos passando a bola muito bem no jogo. Acho que poderíamos ter continuado a fazer isso. Ao mesmo tempo, querem ficar correndo com a bola. Esse jogo foi parecido com o do Panthers em 2016, quando também perdemos. Os Cowboys fizeram um trabalho muito bom parando o nosso jogo terrestre e nós deveríamos ter passado mais a bola, deveríamos ter começado a fazer isso mais cedo. No geral, acho que poderíamos ter jogado melhor. – disse, com honestidade, o camisa 3 do Seattle Seahawks.

Russel Wilson comandou o Seattle Seahawks rumo à vitória no Super Bowl em 2013. No ano seguinte, os Hawks estiveram perto de conquistar o bicampeonato, mas acabaram ficando com o vice. Desde então, porém, Seattle não conseguiu mais ir longe nos playoffs.

Cowboys superam pressão dos Seahawks e avançam nos playoffs

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.