Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Corinthians vence o São Paulo e mantém hegemonia sobre o rival em Itaquera

Corinthians vence o São Paulo e mantém hegemonia sobre o rival em Itaquera

19 Fevereiro 2019por Stefano De Luca

O São Paulo ainda não sabe o que é vencer na Arena Corinthians. Na noite deste domingo, o Tricolor teve mais uma chance de quebrar o tabu, fez um jogo parelho, mas acabou derrotado pelo Timão, que venceu por 2 a 1 em sua casa, mantendo a escrita que dura quase cinco anos, desde a inauguração do estádio. O jogo em Itaquera não foi dos mais belos do ponto de vista técnico, mas foi emocionante. O Corinthians saiu na frente com Manoel, o São Paulo empatou com Pablo, mas Gustagol – sempre ele – marcou na etapa final e garantiu o triunfo do Timão sobre o rival do Morumbi.

Chamou a atenção, também, a atuação ruim do árbitro Lucas Canetto Bellote, que errou em dois lances capitais da partida, um para cada lado. Primeiro, ele não viu que a bola saiu no lance que originou o escanteio do primeiro gol do Corinthians. Depois, no começo da segunda etapa, ele ignorou falta clara de Antony em Danilo Avelar, antes do escanteio que originou no gol do Tricolor.

A vitória no clássico traz confiança à equipe de Fábio Carille, que ainda busca engrenar na temporada. Foi apenas o terceiro triunfo do Timão no ano, curiosamente o segundo em clássicos, uma vez que o Timão havia batido o rival Palmeiras, no Allianz Parque. No meio de semana, o Corinthians tem confronto importante pela Copa do Brasil e o alvinegro segue vivo ainda na Copa Sul-Americana. Já o São Paulo, busca sair da crise em que se encontra. A relação com a torcida está complicada e a equipe agora comandada pelo interino Vagner Mancini precisa reagir. Eliminado da Copa Libertadores, o São Paulo só entra na Copa do Brasil a partir das oitavas de final. Portanto, o Campeonato Paulista se tornou a grande prioridade da equipe neste primeiro semestre.

Corinthians vence o São Paulo e mantém hegemonia sobre o rival em Itaquera

GOLS SAEM EM LANCE DE BOLA PARADA; GUSTAGOL DECIDE DE NOVO

Fábio Carille fez algumas mudanças na equipe titular do Corinthians para enfrentar o São Paulo. Mais uma vez no 4-3-3, o treinador sacou Jadson, Love e Ramiro da equipe. No meio de campo, a grande novidade ficou por conta da estreia de Junior Urso. Na frente, Clayson e Pedrinho jogaram abertos pelas pontas. O objetivo era fazer o time ficar mais vertical, veloz e agudo.

Já do outro lado, Vagner Mancini também armou o São Paulo com surpresas. A grande novidade ficou por conta da presença de Gonzalo Carneiro, que fez parceria a Pablo no comando de ataque. O quarteto do meio de campo foi armado com William Farias, Hudson, Hernanes e Everton. Na lateral-direita, Igor Vinicius ganhou uma chance, já que Bruno Peres contraiu uma conjuntivite e desfalcou a equipe.

O primeiro tempo de jogo na Arena Corinthians foi muito ruim. A partida foi travada, truncada e com pouquíssimas chances de gol. Sem movimentações ou triangulações, o que vimos em Itaquera foi ataques serem construídos à base do chutão. O único gol da primeira etapa saiu já aos 43 minutos e com polêmica. Após bola esticada, Clayson tentou evitar a saída de bola e voltou para Pedrinho, que bateu colocado e obrigou Tiago Volpi a espalmar para escanteio. A reclamação dos jogadores do Tricolor é que a bola de havia saído antes que Clayson tivesse conseguido efetuar o passe. A arbitragem errou e deu escanteio para o Corinthians. Na cobrança do escanteio, Sornoza bateu com capricho e Manoel apareceu livre para testar firme. Volpi ainda toca na bola, mas ela já havia ultrapassado completamente a linha. 1 a 0 para o Corinthians.

Atrás no marcador, Vagner Mancini voltou do intervalo com o garoto Antony no lugar do apagado Everton. O jogo continuou parecido, até um pouco monótono. Até que em um novo lance de bola parada – e novamente com polêmica – o Tricolor conseguiu o empate. Aos 11 minutos, após cruzamento de Carneiro pela esquerda, Antony chegou atropelando Danilo Avelar, que caiu e empurrou a bola para escanteio. Falta não marcada pela arbitragem. Na cobrança do escanteio, Reinaldo bateu no primeiro pau e Pablo se antecipou aos marcadores para marcar de cabeça.

Levar o empate acabou fazendo Carille mexer no time. Clayson até estava bem no jogo, mas se desgastou e acabou substituído por Vagner Love. E pouco tempo depois, aos 27 minutos, o atacante foi fundamental para o segundo gol do Timão. A jogada começou pelo lado direito, com Pedrinho, que serviu Fagner. O capitão corintiano deu um drible desconcertante em Hudson e cruzou para a área. Tiago Volpi saiu muito mal do gol, perdeu a dividida no alto para Vagner Love, que triscou para trás. Livre, Gustagol apenas deixou o pé e cutucou a bola para o gol vazio, para marcar o seu sétimo gol em nove partidas, o gol da vitória do Timão no clássico Majestoso, levando os 43 mil torcedores ao delírio em Itaquera. O São Paulo ainda tentou um último abafa nos minutos finais e chegou a marcar com Arboleda, mas o lance já estava invalidado, uma vez que Carneiro subiu para cabecear e tocou a mão na bola.

TRICOLOR SEGUE SEM SABER O QUE É VENCER NA ARENA CORINTHIANS

Agora em dez jogos disputados entre os rivais desde a inauguração da Arena Corinthians, em 2014, o Timão venceu sete destas partidas, tendo acumulado ainda três empates. O São Paulo segue sem saber o que é vencer um Majestoso na casa do arquirrival.

Neste meio de semana, o Timão volta a jogar em casa. Na quarta-feira, o Corinthians recebe o Avenida, pela segunda fase da Copa do Brasil. Já no domingo, o alvinegro visita o Botafogo de Ribeirão Preto pela oitava rodada do Campeonato Paulista. O Corinthians, aliás, assumiu a liderança do Grupo C do Paulistão, com dez pontos. Já o São Paulo volta a campo apenas no domingo. Também pelo Paulistão, o Tricolor recebe o Red Bull Brasil no Morumbi. A derrota no clássico acabou custando caro ao São Paulo, que caiu para a segunda colocação no Grupo D do Paulistão, agora com nove pontos, sendo ultrapassado pelo Ituano.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.