Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Corinthians vence o Colo-Colo, mas está fora da Libertadores

Corinthians vence o Colo-Colo, mas está fora da Libertadores

30 Agosto 2018por Stefano De Luca

O Corinthians foi valente, lutou até o fim, mas está eliminado da Copa Libertadores. Jogando em sua Arena, em Itaquera, o Timão fez um de seus melhores jogos sob o comando do técnico Osmar Loss, venceu por 2 a 1, mas faltou um gol e quem comemora a passagem para as quartas de final da competição continental é o Colo-Colo, que havia vencido o jogo de ida por 1 a 0, no Chile.

Diante de quase 40 mil pessoas na Arena Corinthians, o Timão marcou ainda no começo do jogo, com Jadson, cobrando pênalti, mas viu Lucas Barrios empatar de cabeça ainda no primeiro tempo. Já na segunda etapa, Roger marcou após cobrança de escanteio e deu novo ânimo ao Timão, mas os donos da casa não conseguiram chegar ao terceiro gol. Os jogadores do Corinthians deixaram o gramado irritados com a fraca atuação do árbitro Nestor Pitana – que apitou a final da Copa do Mundo da Rússia.

O juiz argentino permitiu que os chilenos fizessem muita cera no campo e ainda expulsou o lateral corintiano Danilo Avelar de maneira polêmica. Os torcedores ainda se queixaram de um pênalti não marcado a favor da equipe paulista.

via GIPHY

O jogo

Ciente de que precisava vencer por dois gols de diferença para avançar às quartas de final da Copa Libertadores, o Corinthians começou o jogo no 220, sufocando o Colo-Colo. Logo no início do jogo, Valdívia deu um pisão em Pedro Henrique, que precisou até ser substituído por Léo Santos. Nada de cartão para o chileno. Aos 15 minutos, Pedrinho foi lançado na área e cruzou de primeira, mas Baeza colocou a mão na bola. Pênalti. Jadson foi para a bola e converteu, abrindo o placar em Itaquera. Em uma das únicas jogadas ofensivas que construiu durante toda a partida, o Colo-Colo empatou. Pérez recebeu na ponta esquerda com liberdade e cruzou na cabeça de Lucas Barrios, que subiu entre os dois zagueiros do Corinthians para empatar.

O gol dos visitantes complicou demais os planos do Corinthians, que precisava de dois gols no segundo tempo para se classificar. O começo da etapa final foi uma blitz alvinegra, com Orion fazendo um milagre em finalização à queima-roupa de Henrique. Pouco depois, Romero balançou a rede, mas estava impedido e o gol foi anulado. Aos 18 minutos, o sempre criticado Roger ganhou na força do zagueiro e finalizou de pé direito para o gol, após cobrança de escanteio de Jadson. O gol deu ânimo ao Corinthians, que se lançou com tudo para o ataque em busca do terceiro gol. Osmar Loss ainda colocou Matheus Vital e Emerson Sheik no jogo. Aos 30, Romero teve mais um gol anulado pela arbitragem. Em lance despretensioso, Danilo Avelar deu uma entrada mais ríspida e saiu xingando. O árbitro Nestor Pitana exagerou e sacou o vermelho paro lateral alvinegro. No último lance, Douglas ainda quase marcou de cabeça, mas Orion fez mais uma bela defesa para garantir a classificação do Colo-Colo.

via GIPHY

Sina das oitavas

A dificuldade do Corinthians em passar das oitavas de final da Copa Libertadores é algo histórico. O Timão disputou a Copa Libertadores 14 vezes. Destas, em oito ocasiões o Corinthians foi eliminado nas oitavas de final. Das últimas nove vezes que disputou o torneio continental, o Timão só não foi eliminado nas oitavas em 2011, quando perdeu na fase Pré-Grupos, diante do Tolima e em 2012, quando sagrou-se campeão invicto da competição, garantindo o título inédito da Libertadores, diante do Boca Juniors.

A queda nas oitavas ainda elimina as chances de termos um dérbi nas quartas de final da Copa Libertadores. Isso porque o Colo-Colo enfrentará nas quartas de final, o vencedor do duelo entre Palmeiras e Cerro Porteño. No jogo de ida, no Paraguai, o Verdão venceu por 2 a 0 e construiu uma enorme vantagem para o segundo e decisivo confronto, que acontece nesta quinta-feira, no Allianz Parque.

 

Foco na Copa do Brasil e no Brasileirão

Eliminado da Copa Libertadores nas oitavas de final mais uma vez, o Corinthians agora vira a chave e foca na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro. Presidente do Corinthians, Andrés Sanchez já havia dito há alguns dias que a prioridade total do Timão no ano era a Copa do Brasil. Na semifinal da competição, o alvinegro terá pela frente o Flamengo. O jogo de ida acontece no Maracanã no dia 12 de setembro, enquanto o segundo e decisivo duelo acontecerá na Arena Corinthians, em Itaquera, no dia 26 de setembro. Do outro lado da chave, Palmeiras e Cruzeiro se enfrentam, com a Raposa tendo a vantagem de jogar o segundo jogo em casa, no Mineirão.

Além da Copa do Brasil, o Corinthians disputa ainda o Campeonato Brasileiro. Após 21 rodadas, o Timão é o oitavo colocado da competição, com 29 pontos. Como o título já ficou distante, o objetivo do Corinthians no torneio nacional é terminar no G-6, garantindo assim uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores. Neste sábado, às 21 horas, de novo em Itaquera, o Corinthians encara o Atlético Mineiro, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

via GIPHY

Colo-Colo nas quartas

Classificado para as quartas de final da Copa Libertadores, o Colo-Colo agora espera o vencedor de Palmeiras x Cerro Porteño para saber quem será o seu próximo adversário. Independentemente do adversário, o que se sabe ao certo é que a equipe chilena disputará a primeira partida das quartas em casa, enquanto o adversário terá a vantagem de jogar o jogo de volta em seus domínios.

Maior campeão chileno com 31 títulos nacionais, o Colo-Colo busca o seu segundo título de Copa Libertadores. Os chilenos venceram a competição em 1991, derrotando o Olímpia, do Paraguai, na final.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.