Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Corinthians supera o Santos nos pênaltis e fará a final do Paulistão com o São Paulo

Corinthians supera o Santos nos pênaltis e fará a final do Paulistão com o São Paulo

09 Abril 2019por Stefano De Luca

Teremos um Clássico Majestoso na final do Campeonato Paulista. Depois de sofrer muito e ser derrotado por 1 a 0 pelo Santos no Pacaembu, o Corinthians levou a decisão para os pênaltis e venceu por 7 a 6, marcando um compromisso com o rival São Paulo na final do Estadual. O Timão tinha a vantagem de jogar pelo empate nesta segunda-feira, já que venceu o jogo de ida por 2 a 1 em sua Arena, em Itaquera. Precisando vencer para seguir vivo na competição, o Santos jogou muito melhor, massacrou o Corinthians durante os 90 minutos, mas só conseguiu marcar no finalzinho, com Gustavo Henrique. O gol levou a decisão para os pênaltis e após oito pênaltis de cada lado, o Corinthians levou a melhor, vencendo por 7 a 6 e se garantindo na final do Paulistão.

Os mais de 37 mil torcedores que compareceram ao Pacaembu em meio a uma chuvosa noite em São Paulo aplaudiram o time do Santos, mesmo após cair nos pênaltis para o Corinthians, reconhecendo o esforço do time, que foi melhor que o rival durante os 90 minutos no Pacaembu. O Peixe venceu por 1 a 0 no tempo normal, com um gol no finalzinho, mas poderia ter conquistado uma vitória mais ampla, decidindo a classificação ainda no tempo normal, não fosse a grande atuação do goleiro Cássio, que salvou o Timão com menos quatro ótimas defesas.

O Corinthians se classificou para a final do Paulistão, muito graças ao bom desempenho e o bom resultado conquistado no jogo de ida, em Itaquera. Nesta segunda-feira, no Pacaembu, o desempenho do alvinegro foi assustador. Em sua pior apresentação no ano, o time de Fábio Carille foi dominado pelo rival do início ao fim e teve que mais uma vez contar com a superação de seus atletas nos pênaltis para seguir vivo no Estadual.

Com a classificação, o Corinthians mantém a escrita de jamais ter sido eliminado pelo Santos em uma semifinal de qualquer campeonato. Esta foi a quinta vez que os dois rivais se encontram em uma semifinal, com o Timão levando a melhor em todos os duelos. Após a partida, o Timão usou de suas redes sociais para provocar o presidente santista José Carlos Peres, que havia dito em vídeo que viralizou na internet que o Santos “mataria os gambás”, quando o confronto foi anunciado. O Timão respondeu com os dizeres “Morreu pela boca”, em clara alusão à declaração do mandatório santista.

Os números do jogo mostram o quanto o Santos martelou o Corinthians no Pacaembu. Jorge Sampaoli optou por uma escalação bem ofensiva, com Diego Pituca improvisado na lateral esquerda, Carlos Sánchez como segundo volante e Cueva, Soteldo, Jean Mota e Derlis González formando o quarteto ofensivo, novamente sem um centroavante de ofício entre os onze que iniciaram a partida.

O Santos finalizou 25 vezes a gol, contra apenas três chutes do Corinthians, ficando com a bola durante 75% do jogo, trocando quase 600 passes, contra menos de 200 do Timão e colecionando 14 escanteios, contra nenhum do rival. Apesar do massacre nos números, o Peixe só conseguiu marcar um gol e ele veio já aos 42 minutos do segundo tempo, com Gustavo Henrique marcando de cabeça. Cássio foi o grande protagonista da noite no Pacaembu, operando milagre atrás de milagre.

A estratégia de Fábio Carille de dar a bola para o Santos e se preocupar somente em se defender quase deu certo. Na verdade, deu até os 42, quando o Peixe conseguiu o gol que levou a decisão para os pênaltis. Carille voltou a escalar o mesmo time que vinha escalando nas últimas partidas, com a única mudança sendo a entrada de Pedrinho no lugar de Vagner Love. O garoto, no entanto, não fez uma boa partida e foi sacado logo no intervalo para a entrada do artilheiro do amor. Tentando equilibrar o jogo no segundo tempo, o treinador ainda sacou Clayson para a entrada de Ramiro, mas mesmo com mais um meia, o Timão não conseguiu ficar com a bola no Pacaembu.

Após a vitória santista no tempo normal, o jogo foi então para os pênaltis. Fábio Carille havia colocado o argentino Mauro Boselli no jogo nos minutos finais, justamente para ele bater o pênalti. O centroavante então, foi o primeiro a bater, mas viu Vanderlei ir bem demais e salvar a sua cobrança. Acontece que o garoto Kaio Jorge também desperdiçou a sua cobrança, carimbando o travessão de Cássio. Os outros quatro cobradores de cada equipe converteram. Vagner Love, Ramiro, Junior Urso e Fagner marcaram pelo Timão, enquanto Rodrygo, Soteldo, Carlos Sánchez e Derlis González converteram para o Peixe.

Com isso, os pênaltis seguiram para as cobranças alternadas. Sornoza, Diego Pituca, Danilo Avelar e Alison converteram. Na sua oitava cobrança, o Corinthians viu Henrique deslocar Vanderlei e colocar o Timão na frente. Foi a vez então de Victor Ferraz tomar distância e acertar a trave direita de Cássio, que acertou o canto.

Classificado para a final do Campeonato Paulista, o Corinthians terá pela frente na decisão o rival São Paulo. O Timão está na decisão do Estadual pelo terceiro ano consecutivo, enquanto o Tricolor quebrou um tabu de 16 anos sem chegar à final do Paulistão. O São Paulo busca o título Paulista, que não conquista desde 2005, enquanto o Corinthians sonha em levantar a taça pelo terceiro ano consecutivo.

A Federação Paulista de Futebol agiu rápido e já confirmou as datas, horários e locais da decisão. Como teve melhor campanha na fase de grupos, o Timão terá a vantagem de fazer o segundo jogo em casa. Assim como nas quartas e nas semifinais, duas igualdades nestes dois jogos levará a decisão para os pênaltis. O jogo de ida da finalíssima será disputado neste domingo, dia 14 de abril, às 16 horas, no Estádio do Morumbi. Já a partida de volta acontecerá no outro domingo, dia 21 de abril, às 16 horas, na Arena Corinthians.

.

Foto de capa: Partida entre Santos e Corinthians, válida pela partida de volta da semifinal do Campeonato Paulista série A 2019, no Estádio Pacaembu, em São Paulo, na noite desta segunda-feira (8). (Luís Moura/WPP/Folhapress)

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.