Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Conmebol anuncia que final da Copa Libertadores será disputada em Lima

Conmebol anuncia que final da Copa Libertadores será disputada em Lima

07 Novembro 2019por Stefano De Luca

O que todos temiam que fosse acontecer, acabou sendo confirmado pela Conmebol, na noite desta terça-feira. Após semanas de tensão, a entidade que comanda o futebol sul-americano confirmou que Santiago, no Chile, não terá condições de receber a final da Copa Libertadores, que pela primeira vez na história, será disputada em partida única. Sendo assim, a cidade escolhida pela Conmebol para receber a mais prestigiosa partida do ano no futebol sul-americano foi Lima, capital do Peru.

A decisão foi tomada na noite desta-terça feira, após uma longa reunião organizada pela Conmebol e que contou ainda com a presença de Rodolfo Landim, presidente do Flamengo e Rodolfo D’Onofrio presidente do River Plate. Além deles, participaram também da reunião de cerca de cinco horas Rogério Caboclo, presidente da CBF e Claudio Tapia, presidente da AFA.

Já havia sido definido, há muitos meses, de que a final da Copa Libertadores aconteceria no Estádio Nacional de Santiago, na capital do Chile. Acontece que os protestos políticos que vem tomando conta da capital chilena neste último mês acabaram tornando o plano da Conmebol inviável, já que a segurança dos torcedores estava em risco. Não havia clima algum para que a final acontecesse em Santiago.

A Conmebol demorou a reconhecer isso, mas acabou agindo, em cima da hora. A reunião desta terça-feira, realizada em caráter de emergência, durou cerca de cinco horas e serviu para a entidade achar um “Plano B” viável para a realização da final de sua principal competição. Entre as “concorrentes” de Lima para receber a final da Libertadores, apareciam as cidades de Assunção e Medellín, além da ideia mais radical, que seria levar a decisão para Miami.

A decisão da Conmebol de mandar a final para Lima, no entanto, surpreende. Isso porque a capital do Peru receberia a final da Copa Sul-Americana, mas por questão de organização e de logística, a Conmebol optou por tirar a decisão de Lima e mandar para Assunção. Depois, a Fifa fez a mesma coisa com o Mundial Sub-17, que aconteceria no Peru, mas foi transferido para o Brasil, de última hora. Já na última sexta-feira, um amistoso entre Chile e Bolívia, que aconteceria em Concepción, também foi cancelado.

A Conmebol sempre externou a opinião de que não acreditaria que mudar a sede da final da Copa Libertadores seria uma medida necessária. A entidade – assim como o governo chileno – acreditava que os ânimos no país se acalmariam até a data da decisão, mas isso não aconteceu. Restando pouco mais de duas semanas para a data da final, a organização foi obrigada a tomar uma medida drástica, mas necessária.

Sendo assim, a final da Copa Libertadores será realizada no dia 23 de novembro, um sábado, no Estádio Monumental de Lima, no Peru, às 17 horas (Horário de Brasília). Enquanto o River Plate busca o quinto título da competição continental, o Flamengo tenta conquistar a Libertadores pela segunda vez em sua história.

PRESIDENTE DO FLAMENGO FALA SOBRE A DECISÃO DA CONMEBOL DE TRANSFERIR A FINAL PARA LIMA

Presente na reunião de quase cinco horas de duração que acabou sacramentando a decisão de mudar a final da Copa Libertadores de Santiago para Lima, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, falou sobre o assunto, durante uma entrevista coletiva realizada pela Conmebol, na sede da entidade, em Assunção, no Paraguai.

- O mais importante e a nossa maior preocupação durante toda essa situação era a questão humanitária. As pessoas não iriam conseguir trafegar em segurança. É uma responsabilidade muito grande levar tantas pessoas a uma cidade. Procurávamos buscar o bem-estar de nossos torcedores. Surgiram muitas alternativas, dentro e fora da América do Sul. Havia o nosso interesse de manter a final no continente. A solução que apareceu para nós foi a cidade de Lima. Nós temos todas as garantias, inclusive do governo. O que se busca em final de jogo único, não é apenas uma partida, mas uma festa. Esse é o novo conceito e o local que tornou isso possível foi Lima. – disse o mandatório do Flamengo.

Apesar de parecer satisfeito com o desfecho da reunião e da escolha por Lima, Rodrigo Landim lamentou a situação dos torcedores que já faziam planos para ir até Santiago.

- Sabemos que isso vai trazer uma série de problemas para quem já comprou ingresso e já fez planos de viagem, reserva de hotéis e passagens. Mas isso era algo necessário. Infelizmente teve que acontece e tivemos que mudar de cidade. Sabemos o impacto disso. Espero que a torcida esteja lá para nos apoiar. Vamos trabalhar muito forte em todos os detalhes. O fato da data ter sido mantida é muito importante. Temos que trabalhar em uma série de ações a partir de agora. – completou o presidente da equipe rubro-negra.

Quem também falou sobre todo esse imbróglio envolvendo torcedores que já adquiriram ingressos e passagens para Santiago, foi o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, durante a mesma entrevista coletiva.

- Estamos tomando todas as providências para a devolução do dinheiro para quem comprou os ingressos. Vamos dar prioridade a quem comprou os ingressos, para que possam comprar para o novo palco do jogo. – disse o presidente, que garantiu ainda que a Conmebol vai conversar com companhias aéreas, buscando condições especiais para aqueles que haviam adquirido passagens para Santiago mas que agora desejam ir à Lima para acompanhar a final da Libertadores.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.