Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Atlético Paranaense é o campeão da Sul-Americana

Atlético Paranaense é o campeão da Sul-Americana

13 Dezembro 2018por Stefano de Luca

Com muito sofrimento, o Atlético Paranaense conseguiu fazer história na noite desta quarta-feira, em Curitiba. Jogando em casa, na clássica Arena da Baixada, o Furacão precisava vencer no tempo normal para ficar com a taça. O título parecia encaminhado quando Pablo abriu o placar para os mandantes. O Barranquilla, porém, voltou melhor para o segundo tempo e arrancou o empate, com gol do matador Téo Gutiérrez. Os colombianos cresceram depois da igualdade e quase viraram.

A partida foi para a prorrogação. Já no tempo extra, o Barranquilla teve uma chance de ouro para virar o jogo e levantar a taça. O goleiro Santos acabou fazendo pênalti. Quem chamou a responsabilidade foi o meia Barrera, craque do time. O camisa 10 foi para a bola e isolou, para muito longe. A igualdade também na prorrogação acabou levando a decisão para os pênaltis. Nos penais, o Atlético levou a melhor, vencendo por 4 a 3 e conquistando o primeiro título internacional de sua história.

O título coroa um “rebranding” pelo qual o Atlético passou nesta última semana. Na véspera de um dos jogos mais importantes de sua história, o Furacão anunciou mudanças radicais. A partir de quarta-feira, o Atlético-PR passou a se chamar Athlético Paranaense, com H. Além disso, o escudo da equipe e os uniformes também passaram por radicais transformações.

A conquista da Copa Sul-Americana entra para a história do Furacão, como um dos principais títulos da instituição. Esta é o primeiro título internacional da equipe paranaense, que foi vice-campeã da Copa Libertadores em 2005, sendo superada pelo São Paulo na final.

MELHOR NO PRIMEIRO TEMPO, ATLÉTICO-PR SAI NA FRENTE COM PABLO

Jogando em casa e dependendo apenas de uma simples vitória no tempo normal para ficar com o título, o Atlético Paranaense foi para cima do Junior Barranquilla na Arena da Baixada. Empurrado por mais de 40 mil torcedores, o Furacão foi soberano no primeiro tempo. Logo aos cinco minutos, Nikão bateu falta em direção à área, Pablo desviou de cabeça e quase marcou. As chances continuavam vindo: Lodi e Cirino arriscaram de fora da área e assustaram Viera. Raphael Veiga também teve boa chance em cobrança de falta. O gol saiu aos 35. Raphael Veiga deu bom passe para o meio da área e Pablo apareceu para bater de direita, tirando do goleiro Viera, que ainda triscou na bola. O Furacão foi para o intervalo vencendo por 1 a 0 e quase sem ser incomodado.


Pablo marcou o gol do Furacão ainda no primeiro tempo. (Foto: AFP) 

JUNIORRESPONDE NO SEGUNDO TEMPO E EMPATA COM TÉO GUTIERREZ

Com menos de 20 segundos no relógio na volta do intervalo, o Atlético-PR quase fez o segundo. Pablo recebeu em profundidade pela direita, invadiu a área e bateu cruzado. A bola passou raspando a trave de Viera. O susto parece ter acordado a equipe do Junior Barranquilla, que partiu para o ataque. Santos começou a brilhar, com boas defesas. Aos 12 minutos, após cobrança de escanteio, a bola sobrou limpa na área para Téo Gutierrez, que desviou para matar o goleiro Santos. Os colombianos cresceram no jogo e quase viraram com o mesmo Téo, que bateu da entrada da área, assustando o goleiro Santos. O Furacão enfim voltou a atacar com Pablo, que quase marcou mais um. O jogo ficou lá e cá. Barrera teve a chance para o Junior, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.


Teo Gutiérrez decretou o empate de cabeça.

BARRERA PERDE PÊNALTI NA PRORROGAÇÃO E ATLÉTICO VENCE NOS PÊNALTIS

Com uma nova igualdade por 1 a 1 no tempo normal, a final foi para a prorrogação. A primeira chance foi do Junior Barranquila, em bicicleta de Téo Gutierrez, que assustou o goleiro Santos. Já aos cinco minutos do segundo tempo da prorrogação, após bela bola enfiada em profundidade, Santos derrubou Yony González dentro da área. Pênalti para o Barranquilla. Camisa 10 e cérebro da equipe colombiana, Barrera chamou a responsabilidade e foi para a cobrança. Acontece que o meia bateu muito mal, isolando a bola por cima do gol de Santos, levando à loucura os mais de 40 mil torcedores na Arena da Baixada. No lance seguinte, o Atlético-PR quase marcou, mas Viera fez uma defesaça em chute de fora da área de Bergson.

Iguais após 120 minutos, Atlético Paranaense e Junior Barranquilla decidiriam a Copa Sul-Americana nos pênaltis. Nas cobranças da marca da cal, o Furacão foi mais preciso, convertendo com Thiago Heleno, Bergson, Raphael Veiga e Jonathan. Apenas Renan Lodi desperdiçou a sua cobrança, batendo para fora. Já o Junior Barranquilla errou dois dos cinco pênaltis que cobrou. Pérez, Viera e Narváez marcaram, mas Fuentes carimbou a trave e Téo Gutierrez isolou para muito longe.


A emoção correu solta após na Arena da Baixada.

O Atlético Paranaense venceu por 4 a 3 nos pênaltis e conquistou a Copa Sul-Americana pela primeira vez em sua história. Com o título do Furacão, o Brasil chega a quatro taças na competição. O Internacional foi o campeão em 2008, o São Paulo venceu em 2012 e em 2016, a Chapecoense foi declarada a campeã após ser impossibilitada de jogar a final com o Atlético Nacional devido à tragédia que vitimou todo o elenco da equipe catarinense.

Com o título da Copa Sul-Americana, o Atlético-PR ganhou uma vaga direta na fase de grupos da próxima edição da Copa Libertadores. Com isso, o Furacão é o oitavo time brasileiro garantido na Libertadores de 2019. Além do Atlético Paranaense, disputarão o mais prestigioso torneio da Conmebol ainda mais sete brasileiros: Cruzeiro, Palmeiras, Flamengo, Internacional, Grêmio, São Paulo e Atlético Mineiro.

Como coincidência, a vaga na próxima edição da Copa Sul-Americana, que seria do Atlético-PR, passou agora para a Chapecoense, campeã da competição em 2016. Além da Chape, mais cinco clubes brasileiros participarão da Sula em 2019: Botafogo, Santos, Bahia, Fluminense e Corinthians.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$200 (US$50)
2º lugar: R$100 (US$25)
3º lugar: R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes bônus para serem jogados no Betmotion.com:

1º lugar: R$500 (US$125)
2º lugar: R$300 (US$75)
3º lugar: R$200 (US$50)
4º lugar: R$100 (US$25)
5º lugar: R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os bônus serão exclusivamente para a área de Sports.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.

13. Os Termos e Condições gerais do Betmotion.com se aplicam para este bônus.