Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Blog

Alemanha: Histórico vencedor e decepção em 2018

Alemanha: Histórico vencedor e decepção em 2018

10 Julho 2018por Fernando Verchai

A seleção alemã possui enorme tradição no futebol e sempre estará entre as mais temidas pelos adversários. Há muitas décadas, a Alemanha leva um excelente futebol para dentro de campo, encantando a todos e provando o seu potencial. Além disso, chegou para este mundial sendo a atual campeã, o que deixou sua moral ainda maior. Porém, de maneira surpreendente não conseguiu se classificar, dando adeus à competição logo na primeira fase. Vamos acompanhar de maneira mais detalhada o desempenho histórico desta seleção e tentar explicar o que ocorreu neste ano de 2018.

Grandes conquistas

A Alemanha já venceu a Copa do Mundo por quatro vezes, em 1954, 1974, 1990 e também em 2014, ficando atrás somente atrás do pentacampeão Brasil e junto com a Itália, também com quatro títulos. No ano de 1954, superou grandes oponentes, fez ótima campanha e ainda venceu diante da Hungria, seleção que era do lendário Ferenc Puskás, o qual tinha eliminado até mesmo a seleção brasileira neste mesmo mundial. Este primeiro título serviu também para deixar a população alemã ainda mais apaixonada e ligada com o futebol.

Na Copa do Mundo de 1974, 20 anos após o seu primeiro título, a Alemanha voltou a fazer ótimas apresentações, encantando o mundo e levantando a taça mais uma vez. Desta vez, conquistou o título diante da Holanda, a qual contava com Johan Cruijff, considerado por muitos um dos maiores jogadores de todos os tempos. O elenco alemão também contava com grandes nomes, como, por exemplo, o lendário Franz Beckenbauer, um jogador quase perfeito no sistema defensivo. Desta forma, mais uma vez a Alemanha provava seu valor, levantava a taça e aumentava ainda mais o orgulho da sua população.

Depois deste título, a Alemanha voltou a uma final de Copa do Mundo, no ano de 1986, quando perdeu para a Argentina de Diego Maradona, o grande nome daquele mundial, sendo lembrado por muitos até os dias de hoje. Porém, quatro anos depois, a Alemanha se vingou, enfrentando novamente a Argentina na final, fazendo o gol da vitória aos 40 minutos do segundo tempo, em uma cobrança de pênalti, sendo campeã pela terceira vez em sua história.

via GIPHY

Depois desta conquista, voltou a levantar a taça somente no ano de 2014, justamente na Copa do Mundo que aconteceu no Brasil. Além de ter feito uma campanha excelente, ainda enfrentou a seleção brasileira na semifinal, vencendo pelo placar de 7X1, quando deixou claro toda a sua competência, já que dominou a partida durante os 90 minutos, causando uma das maiores humilhações do futebol mundial.

Na grande final, enfrentou novamente a Argentina, vencendo desta vez não Diego Maradona, mas sim Lionel Messi, após um gol marcado na prorrogação. Desta forma é possível afirmar que a Alemanha é dona de uma tradição imensa no mundial, e sempre está entre as favoritas, pois de fato merece estar.

Outras qualidades do futebol alemão

O futebol alemão ainda tem outras qualidades, como, por exemplo, os seus campeonatos nacionais, com ótimos clubes e alta média de público, o que prova a paixão da população por este esporte. O país também conta com grandes clubes, um ótimo exemplo é o poderoso Bayern de Munique, o qual já conquistou a Liga dos Campeões por cinco vezes, mostrando força em várias temporadas e sempre contando com um elenco poderoso.

via GIPHY

Outro grande orgulho do povo alemão é o atacante Miroslav Klose, o qual se tornou o maior artilheiro das Copas do Mundo, ultrapassando até mesmo o brasileiro Ronaldo Fenômeno. Vale lembrar que Klose atingiu esta marca justamente na goleada por 7X1 diante da seleção brasileira.

Com todo este retrospecto...

Diante de tudo isto, mais uma vez a Alemanha estava entre as favoritas nesta Copa do Mundo de 2018, pois era a atual campeã, possuía grandes jogadores no seu elenco (muitos que participaram do último título e então eram donos de experiência), além de ter conquistado o mundial por quatro vezes e ainda estar presente nas últimas quatro semifinais: em 2002 (chegando à final e perdendo para o Brasil), em 2006 (quando perdeu para a Itália), em 2010 (sendo superada pela Espanha) e em 2014 (quando venceu o Brasil e ainda conquistou o título diante da Argentina). Ou seja, além dos seus quatro títulos mundiais, ainda mostrou alto desempenho nas últimas quatro edições da Copa do Mundo.

Tudo ficou ainda melhor para a seleção alemã após o sorteio de grupos, mostrando que precisaria disputar a vaga com o México, Coréia do Sul e Suécia, seleções que nunca foram campeãs mundiais e possuem pouca tradição no futebol, além de não contarem com um elenco de grande potencial. Porém, para a surpresa de muitos, a Alemanha já estreou perdendo para o México pelo placar de 1X0, quando foi surpreendida em um contra-ataque, e passou o restante do jogo buscando o empate, mas sem sucesso.

Na rodada seguinte, enfrentou a Suécia e, com muita dificuldade, conseguiu a vitória no último minuto, com um gol de Toni Kross. Isso trouxe grande tranquilidade ao elenco que só precisaria então vencer a Coréia do Sul na última rodada para de fato se classificar. Desta forma, muitos já acreditavam que a Alemanha chegaria às oitavas de final com facilidade. Porém, a Alemanha manteve  a posse de bola, mas sem criar grandes chances e, para piorar, ainda sofreu dois gols nos últimos minutos, terminando a fase de grupos com uma vitória e duas derrotas, totalizando três pontos, ficando na última posição e vendo México e Suécia se classificarem para as oitavas de final.

via GIPHY

Com certeza, este mundial de 2018 ficará marcado para o povo alemão, que viu a seleção não se classificar, terminar na última posição do seu grupo e ainda perder para a frágil Coréia do Sul. Porém, ainda assim é preciso lembrar que a Alemanha é dona de forte tradição e muito provavelmente deve se recuperar, reformulando o elenco e fazendo as alterações necessárias, podendo então apresentar alto nível no próximo mundial, assim como já fez em muitas outras oportunidades.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

6. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

7. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

8. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

9. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

10. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.