Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

Afastado do São Paulo por indisciplina, Jean detona Vagner Mancini

Afastado do São Paulo por indisciplina, Jean detona Vagner Mancini

20 Março 2019por Stefano De Luca

O clima no São Paulo não está nada bom. Em situação delicada na temporada, já eliminado da Copa Libertadores e na berlinda no Campeonato Paulista, o Tricolor Paulista está mergulhado em crise e ao que parece, o clima nos bastidores da equipe está longe de ser o ideal. Nesta terça-feira, o técnico interino Vagner Mancini reuniu o elenco para uma conversa mais séria e em meio a cobranças junto ao elenco, foi surpreendido pela atitude do goleiro reserva Jean, que ficou incomodado por ter sido cobrado mesmo sem ter entrado em campo, se levantou e foi embora no meio da reunião.

Afastado do São Paulo por indisciplina, Jean detona Vagner Mancini

A atitude de indisciplina do arqueiro deixou o clima pesado no São Paulo. A diretoria do Tricolor Paulista agiu rápido para tentar contornar a constrangedora situação, multando Jean e afastando o goleiro do resto do elenco principal. Fora do São Paulo por hora, não há prazo para um retorno de Jean ao elenco são paulino.

Contratado junto ao Bahia no começo do ano passado, Jean recebeu poucas chances no novo clube. Ele passou quase o ano passado inteiro na reserva de Sidão. Com a saída do ex-titular, que foi para o Goiás, Jean esperava que enfim fosse herdar a posição. Acontece que o Tricolor foi buscar Tiago Volpi, que estava no futebol mexicano e já chegou com status de titular no clube do Morumbi.

Os problemas de indisciplina do goleiro Jean no São Paulo são recorrentes. No ano passado, ele chegou a entrar em atrito com Sidão e reclamou publicamente do fato que não recebia muitas chances entre os titulares. Neste ano, Tiago Volpi não teve o início da temporada que imaginava. O novo arqueiro são paulino falhou diversas vezes. A gota d'água aconteceu no clássico diante do Corinthians, onde Volpi falhou no gol da vitória corintiana. Jean imaginava que ganharia uma vaga após nova falha do titular, mas ao saber que não haveria mudança no gol, chegou a pedir para não concentrar para o jogo seguinte, diante do Red Bull Brasil. Ao ser notificado que receberia uma multa caso optasse por fazer isso, Jean mudou de ideia.

O que incomodou Jean nesta terça-feira, foi ser apontado como um dos maus exemplos da equipe, mesmo não estando jogando. Por não atuar, o goleiro acredita que não exista justificativa para ele ser criticado por Vagner Mancini. Nesta quarta-feira, o arqueiro são-paulino resolveu quebrar o silêncio e usou a sua página no Instagram para detonar o técnico interino do Tricolor, com quem alega ter problemas pessoais. Jean pediu desculpas pela sua atitude, mas não poupou Mancini de duras críticas. O futuro do goleiro no clube do Morumbi é incerto. Vale lembrar que Vagner Mancini é o técnico interino do São Paulo e exercerá o cargo até a chegada do técnico Cuca, que ainda se recupera de um problema de saúde e deve chegar para comandar o clube do Morumbi entre abril e maio deste ano.

CONFIRA ABAIXO, NA ÍNTEGRA, O PRONUNCIAMENTO DO GOLEIRO JEAN

Diante das coisas que li, vi e que chegaram até mim via imprensa nos últimos dias, gostaria de esclarecer e dizer a verdade sobre alguns pontos referente ao ocorrido na última segunda-feira. Antes de mais nada, reconheço o meu erro ao ter deixado o campo de treinamento após o ocorrido e me desculpar publicamente com a instituição São Paulo Futebol Clube, meus companheiros de time e, principalmente, os torcedores são-paulinos. Respeito muito este clube e ajo de forma profissional desde o dia em que cheguei aqui.

Na segunda-feira, em conversa com todo o grupo de jogadores, o técnico interino Vágner Mancini, se dirigiu a todo o grupo e apontou que eu, mesmo sem ter atuado, era um dos grandes responsáveis pela derrota do São Paulo no clássico contra o Palmeiras, no último fim de semana. Em nenhum momento fui cobrado em quesitos técnicos e táticos, já que nem em campo eu estava. Segundo ele, o motivo era que eu, ao término do jogo, fui tomar banho. Quando o jogo terminou, eu e cerca de sete ou oito jogadores fomos para os chuveiros (alguns inclusive que haviam participado do jogo), fato absolutamente rotineiro. Neste meio tempo, alguns atletas chamaram a reza final no vestiário. Saí do chuveiro prontamente e fui para o “fechamento”, como chamamos. Cheguei, inclusive, antes de outros jogadores para participar da roda e da última conversa. Mas, na segunda, no CT, fui cobrado de forma individual por ter ido tomar banho ao chegar no vestiário, o que não fez nenhum sentido para mim.

É bom explicar que desde a sua chegada ao São Paulo, Mancini não me trata da mesma forma que todo o restante do grupo de jogadores, motivado por uma rivalidade nos clubes em que trabalhamos anteriormente. Quando ele foi colocado na posição de técnico, mesmo tendo prometido que não assumiria esta posição, eu já sabia que eu começaria a ser renegado e dificilmente poderia entrar em campo, fazer meu papel e ajudar o São Paulo da melhor forma possível. Ainda assim continuei trabalhando e dando meu melhor nos treinos, como é minha obrigação.

Infelizmente, quando fui cobrado e apontado como culpado por uma derrota mesmo sem ter entrado em campo, não consegui me conter e aceitar ser execrado desta forma. Não considerei justo e me retirei. Como eu disse anteriormente, sei que cometi um erro e me desculpo por isso. Novamente, respeito a instituição, os torcedores e meus companheiros de equipe. Entendo completamente, também, a briga por posição na equipe titular da equipe. Respeito muito o goleiro Tiago Volpi, hoje sendo escalado. Além de um grande goleiro e profissional, Volpi hoje é um amigo no dia-a-dia de clube. Logo, o que aconteceu em nada teve a ver com o fato de eu estar reivindicando uma vaga na equipe, como também li nos últimos dias.

Para finalizar, estou e estarei sempre à disposição do São Paulo Futebol Clube para cumprir o meu dever. Sou feliz neste clube e sempre pretendi brilhar aqui, fazer uma história cumprindo meu contrato, só entendi que era necessário esclarecer uma injustiça que sofri. Desejo sorte aos meus companheiros na partida de hoje em busca da classificação no Campeonato Paulista. Estarei no Morumbi (sic) torcendo por eles e pelo São Paulo.

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.