Fechar Aviso

AVISO!

Devido à recente regulamentação da lei do jogo online em Portugal, não nos será mais possível disponibilizar prémios para Portugal no site Betmotion.net. O site esta disponível apenas para que os jogadores possam aceder às suas contas de utilizador. Acreditamos estar novamente a trabalhar dentro de poucas semanas.

Notícias Esportivas

A melhora de Gabigol no Santos

A melhora de Gabigol no Santos

04 Novembro 2018por Fernando Verchai

Às vezes, é preciso retornar às suas origens e ao seu antigo clube para um jogador dar certo no futebol. E é isso que está acontecendo com Gabriel Barbosa, o “Gabigol”, no Santos. O jovem atacante de 22 anos já teve sua experiência (não tão agradável assim) na Europa, e agora recupera sua boa fase do começo da carreira (que também foi no Santos), sendo o artilheiro do Campeonato Brasileiro.

Vale destacar que Gabriel atualmente lidera a artilharia do Brasileirão com 16 gols, quatro a mais que o atleticano Pablo, que também vive excelente fase. Gabigol vem marcando praticamente em todas as partidas, e deixou sua marca de pênalti no último jogo, na vitória do Santos por 3X0 contra o Fluminense na Vila Belmiro.

Início de carreira

O jovem começou sua carreira nas categorias de base do Santos, e já era observado por dirigentes e pela comissão técnica, sendo tratado como uma das grandes promessas do Santos para a década. Gabriel subiu ao profissional e aos poucos foi encontrando seu lugar no time principal. Vale destacar que estava no Santos em 2014, onde o peixe perdeu a final do Campeonato Paulista para o Ituano, mas a partir dali conseguiu montar um time competitivo para as próximas temporadas.

No ano seguinte, formando dupla de ataque com Ricardo Oliveira, Gabriel conquistou com o Santos o Campeonato Paulista, vencendo na final o Palmeiras, nos pênaltis, depois da partida ter terminado com a vitória santista por 2X1. No mesmo ano, o Santos vinha muito bem no Campeonato Brasileiro e na Copa do Brasil, duas competições de alto nível, difíceis de serem disputadas. Na competição mata-mata, o Peixe conseguiu chegar à final, com um grande time que tinha jogadores como o próprio Gabriel, Ricardo Oliveira, Marquinhos Gabriel e Lucas Lima. Naquela decisão enfrentou o Palmeiras do goleiro Fernando Prass.

A final da Copa do Brasil de 2015 acabou indo para os pênaltis. No primeiro jogo, o Santos venceu por 1X0, com um bonito gol de Gabigol. Talvez aquela foi uma das principais partidas do atacante com a camisa do time paulista. Na volta, o Santos acabou perdendo por 2X1 no tempo normal, e o Palmeiras também levou a melhor nos pênaltis (Fernando Prass bateu o último pênalti liquidando a conquista).

A melhora de Gabigol no Santos

A partir daquela competição e especialmente da temporada de 2015, Gabriel começou a ganhar fama tanto nacional quanto internacionalmente. A Inter de Milão ficou interessada, e contratou o jovem jogador brasileiro para jogar no velho continente. Mas aí que a carreira de Gabriel começou a sofrer uma queda. Pouco aproveitado no time italiano treinado por Frank De Boer, o brasileiro ficou praticamente todas as partidas no banco de reservas, e quando entrava jogava numa posição que não é a que mais está acostumado: na ponta direita.

Gabriel então sendo mal aproveitado decidiu sair do clube, e o próximo destino foi o Benfica, de Portugal. Na equipe portuguesa, no entanto, o jovem atacante não rendeu o quanto o clube esperava, e realmente estava numa má fase, não conseguindo mostrar seu bom desempenho dentro de campo. Por isso, não era aproveitado e muitas vezes, como na Inter de Milão, não ficava relacionado nem para o banco de reservas, o que lhe gerou grande decepção. O descontentamento do jogador junto ao clube português, fez com que o atleta voltasse a jogar no Brasil, mais especificamente no mesmo Santos que o revelou.

Vale destacar que estava numa péssima fase, sem praticamente ter marcado gols na temporada que teve na Europa. Chegando ao Santos neste ano de 2018, Gabigol começou a se entrosar com a equipe treinada pelo técnico Jair Ventura, mas ainda não estava na sua melhor fase. Marcava alguns gols, mas era fato que faltava algo.

Com a saída do treinador Jair Ventura (depois da eliminação do Campeonato Paulista do Santos nas semifinais e dos maus resultados no Brasileirão) Cuca chegou à equipe santista e deu uma confiança maior a Gabriel. O atacante aproveitou a “carta de confiança” do treinador, aproveitou as oportunidades e começou a marcar em praticamente todas as rodadas do Campeonato Brasileiro.

Hoje é o artilheiro do Santos, está com 16 gols no Brasileirão, e muito provavelmente será o artilheiro do campeonato nacional. Gabriel realmente viveu altos e baixos até agora, mas vale destacar que o presente momento é o melhor da carreira do atacante santista, assim o jovem deve continuar em evolução, mostrando bom rendimento dentro de campo e colaborando cada vez mais para a equipe da Vila Belmiro.

A melhora de Gabigol no Santos

Clube com tradição ofensiva

É importante destacar que o Santos é um clube que já contou com grandes nomes no ataque, com maior destaque para o melhor jogador de todos os tempos, Pelé! Desta forma a equipe criou uma tradição ofensiva, fazendo muitos gols e encantando a todos. Depois da aposentadoria do Rei Pelé, o Santos sempre continuou buscando grandes nomes para o setor ofensivo e apesar de nunca ter conseguido encontrar outro “Rei do futebol” ainda assim costuma sempre ser conhecido por seu futebol de agressividade.

Nas últimas décadas, o clube ainda contou com grandes nomes vindo da base, como é o caso de Robinho e Neymar, ambos eram jovens, caíram nas graças da torcida, encantavam a todos, conquistaram grandes títulos, jogaram pela seleção brasileira e então levaram imensa qualidade para dentro de campo. Mais recentemente, o Santos ainda contou com o veterano Ricardo Oliveira, o qual apresentou um rendimento acima do esperado, lutando até mesmo pela artilharia do Campeonato Brasileiro.

Portanto todo este contexto acaba pressionando qualquer jogador do setor ofensivo santista e isto também se aplica ao jovem Gabigol, ou seja, em certo momento de sua carreira isto pode até ter lhe causado certa pressão, mas para a alegria da torcida, o jogador está conseguindo lidar com tudo isto, mostrando grande maturidade e se sentindo livre para mostrar seu bom futebol. Desta forma o Santos continua com o seu DNA ofensivo, leva alegria para dentro de campo, continua balançado as redes por inúmeras vezes e faz com que sua torcida sempre solte o grito de gol na Vila Belmiro.

A melhora de Gabigol no Santos

Termos e Condições

1. Somente participantes com 18 anos ou mais poderão jogar e ganhar prêmios.

2. Para participar é necessário deixar um e-mail e um telefone atualizado para entrarmos em contato com os ganhadores.

3. 300 créditos serão entregues a cada segunda-feira para cada jogador cadastrado, para que possam gerar pontos até domingo. A cada domingo os pontos serão zerados e os rankings semanais encerrados, premiando os 3 primeiros colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
2º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
3º lugar: Vale-compra de R$50 (US$15)

4. Além dos rankings semanais, teremos rankings que irão do dia 1 ao término de cada mês. No ranking mensal premiaremos os 5 melhores colocados com os seguintes valores:
1º lugar: Vale-compra de R$500 (US$125)
2º lugar: Vale-compra de R$300 (US$75)
3º lugar: Vale-compra de R$200 (US$50)
4º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)
5º lugar: Vale-compra de R$100 (US$25)

5. Cada usuário poderá ganhar somente um prêmio semanal no mês, podendo escolher a semana em que deseja receber o prêmio, no caso de ganhar em mais de uma semana. - No caso de solicitar um prêmio semanal, o usuário não poderá solicitar outro por mais que tenha melhorado a posição anterior.

6. Cada usuário não poderá ganhar dois prêmios mensais de forma consecutiva.

7. Os vales-compras serão exclusivamente para as lojas designadas.

8. Em caso de empate o prêmio será dividido em partes iguais. Exemplo: dois participantes ficam empatados nas posições 1 e 2 do ranking semanal. A soma de ambos prêmios é de R$300 (US$75) e esse valor será dividido em partes iguais.

9. Em caso de empate nas posições 3 e 4 do ranking, como há apenas um prêmio, o mesmo será dividido em partes iguais entre os participantes empatados.

10. No caso de não podermos estabelecer contato com o ganhador dentro de um prazo máximo de 7 dias, tal jogador perderá o direito de receber o prêmio.

11. Só será permitido uma conta por computador, pessoa, casa ou endereço de e-mail. No caso de deterctarmos mais de uma conta, estas poderão ser deletadas e os prêmios retirados dos ganhadores.

12. Reservamo-nos o direito de modificar ou encerrar esta promoção sem aviso prévio.