Tudo o que você queria saber sobre eSports

eSports

Os eSports são quaisquer atividades que, fazendo uso de artefatos eletrônicos, caracterizem competição entre dois ou mais participantes. Nessa categoria, enquadram-se os videogames, jogos para computadores ou celulares, games online, fliperamas, arcades, entre outros.

A definição é da CBEE (Confederação Brasileira de Esportes Eletrônicos), entidade fundada em 2006 e responsável por supervisionar e fiscalizar a modalidade no Brasil. Ainda segundo a organização, o praticante de eSports são chamados de cyberatletas.

Assim como nos esportes tradicionais, os jogadores podem ser federados em algum clube ou diretamente na CBEE. Assim, eles obtêm o direito de participar dos campeonatos oficiais e disputar os títulos de campeão estadual e brasileiro oficiais. Além disso, de acordo com o ranqueamento, também poderão integrar a Seleção Brasileira em campeonatos internacionais oficiais.

Principais jogos

Os principais gêneros de jogos associados aos esportes eletrônicos são os de estratégia em tempo real, luta, tiro em primeira pessoa, e Moba (Multiplayer Online Battle Arena). Atualmente, os títulos mais populares em competições profissionais são: DotA 2, League of Legends, StarCraft II e Counter-Strike: Global Offensive.

Como começou

A primeira competição esportiva eletrônica que se tem notícia aconteceu em 1972, para estudantes da Universidade Stanford, nos Estados Unidos, com o jogo Spacewar. O prêmio teria sido um ano de assinatura da revista Rolling Stone. Em 1980, a Atari organizou o Space Invaders Championship, considerado o primeiro torneio de eSport em larga escala, com aproximadamente 10 mil participantes de várias partes da América do Norte.

A partir da década de 2000, o esporte eletrônico cresceu sensivelmente – de 10 torneios realizados neste ano passou para 160, em 2010. Depois da criação do Twitch (site especializado em transmissão dos jogos eletrônicos), em 2011, a modalidade se popularizou ainda mais, atraindo milhares de pessoas de todo o mundo.

Campeonato Mundial 2015

No dia 31 de outubro do ano passado, a empresa Riot Games finalizou mais um Campeonato Mundial do seu Moba League of Legends. O evento contou com 17 mil pessoas, na Arena Mercedes-Benz, em Berlim, na Alemanha. A final foi realizada entre as equipes coreanas Koo Tigers e SK Telecom T1 e somou uma premiação maior que US$ 2 milhões.

Historicamente, os sul-coreanos são os principais campeões em modalidades como League of Legends e StarCraft II. É consenso entre os profissionais da área que o país que mais valoriza os eSports é a Coreia do Sul, onde há, além da federação, canal na televisão para transmissão dos campeonatos e investimentos de vários tipos.

US$ 23 bilhões até 2020

De acordo com um levantamento realizado pela Eilers Research, em cinco anos, o cenário de eSports no mundo alcançará um valor de US$ 23 bilhões. Uma outra pesquisa da empresa New Zoo estima que um total de 1,2 milhão de jogadores participarão de forma competitiva até 2017.

Esse crescimento também se deve pelo fato de que a cena de apostas do meio é cada vez maior. Sites tradicionais de esportes e também os especializados em jogos eletrônicos estão abrindo espaço para os fãs ofertarem dinheiro em suas equipes – isso sem falar movimentações financeiras existentes entre itens dos games.

 

Fontes:

http://www.cbee.org.br/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Esporte_eletr%C3%B4nico

https://omelete.uol.com.br

http://mycnb.uol.com.br/